Afri­ca­no de Lu­an­da aguar­da ofi­ci­a­li­za­ção

Fe­de­ra­ção já pro­ce­deu à en­tre­ga do pe­di­do ao Mi­nis­té­rio da Ju­ven­tu­de e Des­por­tos

Jornal dos Desportos - - MODALIDADES - RO­SA NA­PO­LEÃO

Há me­nos de qua­tro me­ses pa­ra aco­lher o pri­mei­ro cam­pe­o­na­to afri­ca­no, em Lu­an­da, de 16 a 23 de Ou­tu­bro, a Fe­de­ra­ção An­go­la­na de Jiu Jitsu es­tá pre­o­cu­pa­da pe­la não ofi­ci­a­li­za­ção do even­to jun­to das en­ti­da­des com­pe­ten­tes do Es­ta­do an­go­la­no.

Em de­cla­ra­ções ao Jor­nal dos Des­por­tos, o se­cre­tá­rio ge­ral da Fe­de­ra­ção An­go­la­na de Jiu Jitsu, Pe­dro Emous, as­se­gu­rou que "o pe­di­do de au­to­ri­za­ção já se en­con­tra no Mi­nis­té­rio da Ju­ven­tu­de e Des­por­tos".

"Aguar­da­mos a con­fir­ma­ção da ins­ti­tui­ção rei­to­ra do des­por­to no país", dis­se.

Até que a "luz ver­de" acen­da, as co­mis­sões de tra­ba­lho já se des­do­bram nos con­tac­tos com os po­ten­ci­ais pa­tro­ci­na­do­res.

"Nes­se mo­men­to, tra­ba­lha­mos pa­ra con­se­guir os mei­os da com­pe­ti­ção como o lo­cal, os ta­ta­mes, a pu­bli­ci­da­de, o alo­ja­men­to, ali­men­ta­ção e a trans­por­ta­ção in­ter­na", dis­se.

A pre­cau­ção do gru­po de tra­ba­lho as­sen­ta na inex­pe­ri­ên­cia de mui­tos in­te­gran­tes na re­a­li­za­ção de um even­to de ca­riz in­ter­na­ci­o­nal.

"O jiu-jitsu tra­di­ci­o­nal nun­ca re­a­li­zou es­ta com­pe­ti­ção. É uma ex­pe­ri­ên­cia no­va. Vá­ri­os fac­to­res con­tri­buí­ram pa­ra que o even­to foi atri­buí­do a An­go­la. Além de apre­sen­tar­mos bons in­di­ca­do­res, tam­bém o país adop­tou uma no­va pos­tu­ra na mi­gra­ção. A mai­or par­te dos paí­ses par­ti­ci­pan­tes não vão pre­ci­sar de vis­tos de en­tra­da", es­cla­re­ceu.

A re­a­li­za­ção da pre­sen­te edi­ção foi igual­men­te co­bi­ça­da pe­la Fe­de­ra­ção das Ilhas Mau­rí­ci­as, que se evi­den­cia em Áfri­ca. Pe­dro Emous rei­te­rou que "aque­le país le­va­va al­gu­ma van­ta­gem na ques­tão da hos­pe­da­gem das de­le­ga­ções por ter os cus­tos de ho­téis bai­xos". A atri­bui­ção do even­to a An­go­la re­sul­ta "do mé­ri­to pró­prio".

An­go­la apre­sen­tou a can­di­da­tu­ra pa­ra re­a­li­zar o cer­ta­me em 28 de No­vem­bro de 2017, mas só foi apro­va­da a 27 de Abril do ano cor­ren­te na Con­fe­rên­cia da União Afri­ca­na, de­cor­ri­da em Mo­ga­dís­cio.

DOMBELE BERNARDO | EDIÇÕES NO­VEM­BRO

Jiu Jitsu an­go­la­no tem pou­cos me­ses pa­ra in­for­mar à Con­fe­de­ra­ção Afri­ca­na

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.