"nun­ca ti­ve com­ple­xos do meu pas­sa­do, nem do meu cor­po, e es­tou aqui pa­ra bri­lhar"

Super Fashion - - Supermulheres -

Já per­di sim, um par... Já en­con­trei o meu amor. Pre­fi­ro ser tra­ta­da co­mo uma ar­tis­ta e não co­mo uma tran­se­xu­al por­que eu sou a can­to­ra Titica. Sim, o im­por­tan­te é que fa­lem de mim. Eu não re­ce­bi o pré­mio nas mãos de Pre­si­den­te, mas fui con­vi­da­da pa­ra atu­ar na ga­la Di­vas de An­go­la on­de es­ta­va o Pre­si­den­te. Senti-me hon­ra­da e que o meu tra­ba­lho es­ta­va a ser re­al­men­te re­co­nhe­ci­do. Sim, o ta­len­to não tem gé­ne­ro por­que nós fa­ze­do­res de ar­te can­ta­mos pa­ra to­das as ida­des e clas­ses. É sim, por­que já en­fren­tei mui­tas di­fi­cul­da­des mas sem­pre ba­ta­lhei e es­ti­ve de ca­be­ça er­gui­da. Com cer­te­za, já fui mui­to cri­ti­ca­da. Mas co­mo já dis­se, ago­ra na­da me aba­la, es­tou for­te e pa­ra a fren­te é que é o ca­mi­nho. É im­por­tan­te di­zer que o ku­du­ris­ta tam­bém é de clas­se, li­cen­ci­a­do, po­de ser o ban­cá­rio, o eco­no­mis­ta, o dou­tor... Nós so­mos fa­ze­do­res da cul­tu­ra e me­re­ce­mos to­do o res­pei­to e con­si­de­ra­ção. Já so­fri mui­to com a dis­cri­mi­na­ção das pes­so­as , fui apon­ta­da , ape­dre­ja­da e jul­ga­da. Mas gra­ças a Deus con­se­gui su­pe­rar e já não me dei­xo aba­lar e ho­je mui­ta gen­te me res­pei­ta. Gra­ças a Deus, ago­ra es­tá tu­do bem. A prin­cí­pio era di­fí­cil, mas já su­pe­rá­mos e a mi­nha fa­mí­lia acei­ta-me com nor­ma­li­da­de. Eu acho que ser mãe faz par­te dos pla­nos de to­da a mu­lher e ho­je em dia a ci­ên­cia já es­tá mais avan­ça­da. Ado­ta­ria três fi­lhos. Eu sem­pre fui mu­lher, já nas­ci com as­pec­tos fe­mi­ni­nos, mas o meu no­me con­ti­nua a ser Te­ca Mi­guel Gar­cia. Ho­je o ku­du­ro é um es­ti­lo que já é in­ter­na­ci­o­na­li­za­do. É de lou­var a sua va­lo­ri­za­ção por­que an­te­ri­or­men­te era con­si­de­ra­do um es­ti­lo pa­ra mar­gi­nais, atu­al­men­te faz dan­çar to­da a so­ci­e­da­de... até na diás­po­ra já dan­çam o ku­du­ro e es­pe­ro ca­da vez mais a sua in­ter­na­ci­o­na­li­za­ção. Cla­ro es­tou sem­pre ac­tu­a­li­za­da, si­go ten­dên­ci­as e gos­to de fa­zer o meu es­ti­lo por­que co­mo ar­tis­ta é mui­to im­por­tan­te por cau­sa da ima­gem. Te­nho que ter sem­pre cau­te­la no que ves­tir e es­tar sem­pre bem apre­sen­ta­da. Gos­to de ves­ti­dos jus­tos e Con­si­de­ro mo­der­no e sexy. Eu mes­ma es­co­lho os meus lo­oks. Quan­to a aju­da, te­nho a da es­ti­lis­ta Ma­ra Ra­mos que me tem ves­ti­do. Sim, sin­to-me uma mu­lher É es­tar bem co­mi­go mes­ma, é sa­ber es­tar e sa­ber apre­sen­tar-se.

Nas­ci... em Lu­an­da a 6 de Abril de 1986 A mi­nha prin­ci­pal vir­tu­de... per­sis­tên­cia O meu prin­ci­pal de­fei­to é... tei­mo­sia O que mais apre­cio nu­ma pes­soa... sin­ce­ri­da­de O que mais de­tes­to... al­dra­bi­ce A mi­nha mú­si­ca fa­vo­ri­ta... to­das mú­si­cas bo­as Ci­da­de que mais gos­to... mi­lão O meu pra­to pre­fe­ri­do... fun­je com pei­to al­to e ki­za­ca Com quem vi­ve­ria nu­ma ilha de­ser­ta... com o amor da mi­nha vi­da O li­vro que mais me mar­cou... a Bí­blia O fil­me da mi­nha vi­da... "ti­ta­nic" Por amor era ca­paz de... amar O meu le­ma de vi­da... Não pas­sar por ci­ma de nin­guém, não pi­sar nin­guém e ser hu­mil­de, por­que é com hu­mil­da­de que a gen­te con­se­gue che­gar aos nos­sos ob­je­ti­vo A fe­li­ci­da­de... é tu­do o que me im­por­ta Deus... é pai, amor, sal­va­ção e a vi­da A mi­nha fa­mí­lia... são as pes­so­as mais im­por­tan­tes da mi­nha vi­da, são o meu por­to se­gu­ro No meu gu­ar­da-rou­pa não fal­ta... um bom ves­ti­do A mi­nha úl­ti­ma com­pra foi... ma­ke up Os meus ócu­los de sol são... es­sen­ci­ais, pois pro­te­gem-me do sol e quan­do não uso ma­qui­lha­gem A mi­nha car­tei­ra é... a mi­nha me­lhor ami­ga O meu per­fu­me... gos­to de tu­do que te­nha bom aro­ma Os meus es­ti­lis­tas de elei­ção... ma­ra Ra­mos Di­e­ta... fa­ço sim mas não sou vi­ci­a­da pro­cu­ro man­ter o cor­po sem abu­sar de na­da co­mo de qua­se tu­do O exer­cí­cio fí­si­co é... mui­to im­por­tan­te mas não pra­ti­co com re­gu­la­ri­da­de Agos­to-se­tem­bro

|

Ves­ti­do: Rowe­te Bou­ti­que

Ves­ti­do e co­lar: Bou­ti­que Mais Chi­ques

Ves­ti­do: Rowe­te Bou­ti­que

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.