Cha­ves es­ta­vam com a OAS

Agora - - Primeira Página - (FSP)

A ofi­ci­al de Jus­ti­ça que fez a ava­li­a­ção do trí­plex do Gu­a­ru­já es­cla­re­ceu no lau­do que se di­ri­giu ao lo­cal e que o por­tei­ro, “sr. Ale­xan­dre”, in­for­mou que “as cha­ves do apar­ta­men­to fi­cam com fun­ci­o­ná­ri­os da em­pre­sa OAS”.

Um dos fun­ci­o­ná­ri­os en­vi­da­dos pe­la cons­tru­to­ra ao lo­cal foi a en­ge­nhei­ra Ma­riu­za Apa­re­ci­da da Silva Mar­ques, que foi tes­te­mu­nha do pro­ces­so con­tra Lu­la.

O fa­to de Lu­la nun­ca ter fi­ca­do com as cha­ves do imó­vel e de ele es­tar até ho­je em posse da em­prei­tei­ra é um dos ar­gu­men­tos cen­trais da de­fe­sa do pe­tis­ta.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.