RED HOT CHI­LI PEP­PERS

ALMANAQUE DO ROCK - EDIÇÃO DE COLECIONADOR - - Sexta Era -

Tu­do bem, o Red Hot co­me­çou nos anos 80, quan­do já agi­ta­va to­da a Cos­ta Oes­te dos EUA com seu rock com ca­ra de funk (e vi­ce-ver­sa), em qua­tro ál­buns, in­clu­si­ve o se­mi­nal Mother's Milk de

1989. Mas não há co­mo ne­gar que foi Blo­od Su­gar Sex Ma­gik, o CD de 1991, que de­fi­ni­ti­va­men­te le­vou o gru­po ao to­po. Fun­da­do em 1983, com o vo­ca­lis­ta Anthony Ki­e­dis, o bai­xis­ta Mi­cha­el “Flea” Bal­zary, o gui­tar­ris­ta Hil­lel Slo­vak e o batera Jack Irons, o Red Hot al­can­çou um mo­de­ra­do su­ces­so até que uma tra­gé­dia mu­da­ria os ru­mos da ban­da: Slo­vak mor­reu por over­do­se de he­roí­na, em ju­nho de 1988, e Irons de­sis­tiu do gru­po. Em seus lu­ga­res en­tra­ram John Frus­ci­an­te e Chad Smith. Com eles, o Red Hot ga­nhou em qua­li­da­de e ener­gia e pro­du­ziu su­as du­as gran­des pé­ro­las, ci­ta­das no iní­cio. Jun­to com o su­ces­so, po­rém, os pro­ble­mas com dro­gas le­vam Frus­ci­an­te a ser ex­cluí­do do clu­be Red Hot. Dave Na­var­ro es­tre­ou nas gui­tar­ras no ál­bum One Hot Mi­nu­te, mas saiu dois anos de­pois. Os ál­buns se­guin­tes, Ca­li­for­ni­ca­ti­on, By The Way e Sta­dium Ar­ca­dium abri­ram ca­mi­nho pa­ra o es­tre­la­to pop da ban­da. Em 2011, com I'm With You, mos­tra­ram um gran­de ama­du­re­ci­men­to em ter­mos de com­po­si­ção e pro­va­ram que ain­da têm mui­to gás. Des­de en­tão, op­ta­ram por lan­çar vá­ri­os EPs e sin­gles, ao in­vés de fa­zer um no­vo ál­bum, que des­de já é bas­tan­te aguar­da­do pe­los fãs.

Ál­buns es­sen­ci­ais

• Mother’s Milk (1989).

• Blo­od Su­gar Sex Ma­gik (1991)

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.