Con­si­de­ra­do mai­or tra­fi­can­te de Goiás, Mar­ce­lo Zói Ver­de é mor­to na Bo­lí­via

Brasil em Folhas - - Geral -

Con­si­de­ra­do o mai­or tra­fi­can­te de goiás, Mar­ce­lo go­mes de Oli­vei­ra, co­nhe­ci­do co­mo “Mar­ce­lo Zói Ver­de”, foi mor­to a ti­ros na noi­te de quin­ta­fei­ra (20) na ci­da­de de san­ta Cruz de la si­er­ra, na Bo­lí­via, se­gun­do o ad­vo­ga­do de­le, Emer­son Tha­deu Vi­ta. A sus­pei­ta é de que ele usa­va uma iden­ti­da­de fal­sa pa­ra con­se­guir es­ca­par da po­lí­cia.

se­gun­do o ad­vo­ga­do, ain­da não há mui­tas in­for­ma­ções so­bre a mor­te de Mar­ce­lo. “A fa­mí­lia foi pe­ga de sur­pre­sa com es­sa no­tí­cia. Es­tão in­do pa­ra a Bo­lí­via pa­ra ter mais in­for­ma­ções, ver co­mo tu­do acon­te­ceu e pro­vi­den­ci­ar o tras­la­do do cor­po pa­ra o Bra­sil”, ex­pli­cou ao jor­nal.

“Zói Ver­de” che­gou a ser con­de­na­do a 42 anos de pri­são por trá­fi­co in­te­res­ta­du­al de dro­gas e as­so­ci­a­ção pa­ra o trá­fi­co, em 2015. No en­tan­to, a sen­ten­ça foi sus­pen­sa pe­lo su­pre­mo Tri­bu­nal Fe­de­ral em fe­ve­rei­ro des­te ano.

A Po­lí­cia Ci­vil de goiás ex­pli­cou que já es­tá em con­ta­to com pa­ren­tes e ad­vo­ga­dos de Mar­ce­lo, os quais afir­mam que ele mor­reu. Po­rém, a cor­po­ra­ção ne­ces­si­ta da “for­ma­li­za­ção de exa­mes” pa­ra con­fir­mar a in­for­ma­ção. Pa­ra is­so, já es­tá em con­ta­to com as au­to­ri­da­des bo­li­vi­a­nas.

“Não po­de­mos des­car­tar que se­ja ou­tra pes­soa. Po­de até pa­re­cer al­go ci­ne­ma­to­grá­fi­co, mas po­de ser uma pes­soa pa­re­ci­da. Pe­las ima­gens pa­re­ce ser ele, mas não po­de­mos con­fir­mar com ba­se em fo­tos”, dis­se o as­ses­sor da PC, de­le­ga­do gyl­son Ma­ri­a­no.

Cri­mes

De acor­do com a Po­lí­cia Ci­vil, em 2000, Mar­ce­lo foi con­de­na­do a 21 anos de pri­são por la­tro­cí­nio, mas após três anos te­ve pro­gres­são de pe­na ao re­gi­me se­mi­a­ber­to e fu­giu. Ele vol­tou a ser pre­so em 2007 por trá­fi­co de dro­gas, mas con­se­guiu li­ber­da­de pro­vi­só­ria. O tra­fi­can­te só vol­tou a ser pre­so em 2014, em Bra­sí­lia. Mar­ce­lo foi apon­ta­do pe­la po­lí­cia co­mo che­fe de uma qua­dri­lha que os­ten­ta- va bens de luxo ava­li­a­dos em r$ 80 mi­lhões. Ele fi­cou de­ti­do em uma ce­la de se­gu­ran­ça má­xi­ma na Pe­ni­ten­ciá­ria Ode­nir gui­ma­rães (POG), em Apa­re­ci­da de goi­â­nia, na re­gião Me­tro­po­li­ta­na da ca­pi­tal.

“Zói Ver­de” foi con­de­na­do a 42 anos de pri­são por trá­fi­co in­te­res­ta­du­al de dro­gas e as­so­ci­a­ção pa­ra o trá­fi­co pe­la Jus­ti­ça Fe­de­ral, em ju­nho de 2015. Em 20 de ja­nei­ro da­que­le ano, ele foi sol­to pe­lo juiz fe­de­ral da 11ª Va­ra da ses­são Ju­di­ciá­ria de goiás, leão Apa­re­ci­do Al­ves. No dia se­guin­te, a juí­za Wa­nes­sa re­sen­de Fu­so, da 2ª Va­ra de Exe­cu­ção Pe­nal de goi­â­nia, pe­diu que ele fos­se pre­so no­va­men­te, em cum­pri­men­to a um man­da­do pe­lo cri­me de rou­bo agra­va­do por le­são cor­po­ral gra­ve, mas não foi mais en­con­tra­do. Mar­ce­lo era con­si­de­ra­do fo­ra­gi­do até fe­ve­rei­ro des­te ano, quan­do o su­pre­mo Tri­bu­nal Fe­de­ral sus­pen­deu a con­de­na­ção de­le.

AGÊNCIA Bra­sil

Mar­ce­lo Zói Ver­de é con­si­de­ra­do o mai­or tra­fi­can­te de Goiás

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.