Pra­zo pa­ra en­tre­gar de­cla­ra­ção do IR aca­ba na sex­ta-fei­ra

Brasil em Folhas - - Primeira Página -

A ape­nas qua­tro di­as do pra­zo fi­nal pa­ra a en­tre­ga do IRPF 2017, os con­tri­buin­tes de­vem se apres­sar pa­ra se­pa­rar do­cu­men­tos.

Aa­pe­nas qua­tro di­as do pra­zo fi­nal pa­ra a en­tre­ga da De­cla­ra­ção do Im­pos­to de Ren­da da Pes­soa Fí­si­ca (IRPF) 2017, os con­tri­buin­tes de­vem se apres­sar pa­ra se­pa­rar do­cu­men­tos e fe­char os da­dos exi­gi­dos na pres­ta­ção de con­tas ao Leão.

O do­cu­men­to de­ve­rá ser en­vi­a­do à Re­cei­ta Fe­de­ral até as 23h59 da pró­xi­ma sex­ta-fei­ra, dia 28/4. Quem per­de o pra­zo pa­ga mul­ta que va­ria de 20% do tri­bu­to de­vi­do, com va­lor mí­ni­mo de R$ 165,74. São es­pe­ra­dos 28,3 mi­lhões de in­for­mes de IR es­te ano, mas os úl­ti­mos da­dos dis­po­ní­veis apon­ta­vam que me­ta­de ou cer­ca de 14 mi­lhões de bra­si­lei­ros ain­da não cum­pri­ram a obri­ga­ção fis­cal.

Es­pe­ci­a­lis­tas aler­tam pa­ra os ris­cos da cor­re­ria de úl­ti­ma ho­ra pa­ra jun­tar com­pro­van­tes, che­car da­dos, bus­car do­cu­men­tos que ain­da fal­tam e ti­rar dú­vi­das. Er­ros ba­nais e omis­são de ren­di­men­tos, por exem­plo, abrem ca­mi­nho pa­ra a re­ten­ção do in­for­me na ma­lha fi­na.

Pa­ra o su­per­vi­sor na­ci­o­nal do pro­gra­ma de IR da Re­cei­ta, Jo­a­quim Adir, o atra­so vi­rou ro­ti­na. “En­tra ano e sai ano, é a mes­ma coi­sa. Pa­re­ce que o bra­si­lei­ro gos­ta de dei­xar tu­do pa­ra a úl­ti­ma ho­ra”, diz ele so­bre o gran­de con­tin­gen­te de con­tri­buin­tes que aca­ba en­tre­gan­do a de­cla­ra­ção nos úl­ti­mos mi­nu­tos.

“Na úl­ti­ma ho­ra, com pres­sa, er­ros de di­gi­ta­ção, troca de da­dos e au­sên- cia de do­cu­men­tos es­tão en­tre os prin­ci­pais pro­ble­mas”, aler­ta o pre­si­den­te da Fe­de­ra­ção Na­ci­o­nal das Em­pre­sas de Ser­vi­ços Con­tá­beis e das Em­pre­sas de As­ses­so­ra­men­to, Pe­rí­ci­as, In­for­ma­ções e Pes­qui­sas (Fe­na­con), Ma­rio Ber­ti.

Cair na ma­lha fi­na ge­ra pro­ble­mas e ten­são des- ne­ces­sá­ri­os pa­ra o con­tri­buin­te, que te­rá que cor­rer atrás pa­ra as com­pro­va­ções exi­gi­das pe­lo Fis­co”, co­men­ta a tri­bu­ta­ris­ta e ex­pert em con­ten­ci­o­sos fis­cais, San­dra Ba­tis­ta, do Con­se­lho Fe­de­ral de Con­ta­bi­li­da­de (CFC).

Ber­ti des­ta­ca, con­tu­do, que o im­por­tan­te é o con­tri- buin­te “não en­trar em pâ­ni­co”, pois ain­da dá tem­po de or­ga­ni­zar tu­do. “Sem per­der a ca­be­ça, dá pa­ra não dei­xar de se be­ne­fi­ci­ar das de­du­ções le­gais”, co­mo no ca­so de des­pe­sas com de­pen­den­tes, pen­são ali­men­tí­cia, em­pre­ga­da doméstica, tra­ta­men­to de saú­de, en­tre ou­tros, afir­ma.

AR­QUI­VO

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.