“Tem gen­te que xin­ga mui­to e não faz na­da”

Brasil em Folhas - - Primeira Página -

Mes­mo sob chu­va for­te, o go­ver­na­dor Mar­co­ni Pe­ril­lo foi re­ce­bi­do com en­tu­si­as­mo nes­ta quar­ta-fei­ra, 27, por mais de 400 mo­ra­do­res de Montes Cla­ros pa­ra a as­si­na­tu­ra do con­vê­nio en­tre o go­ver­no de goiás e a Pre­fei­tu­ra pa­ra li­be­ra­ção de re­cur­sos do Pro­gra­ma goiás na Fren­te. “Ho­je é dia de agra­de­cer mui­to a Deus pe­la chu­va, afir­mou Mar­co­ni, que des­ta­cou o ca­rá­ter de par­ce­ria e mu­ni­ci­pa­lis­mo do goiás na Fren­te. “Fa­ze­mos po­lí­ti­ca de paz. Tem mui­ta gen­te que xin­ga mui­to e não faz na­da”, afir­mou o go­ver­na­dor du­ran­te o ato ad­mi­nis­tra­ti­vo, re­a­li­za­do no sin­di­ca­to ru­ral.

O mu­ni­cí­pio é ad­mi­nis­tra­do por antônio Cí­ce­ro, do PMDB, cu­jo vi­ce, Deu­si­mar Pe­zão, é do DEM. ape­sar de in­te­gra­rem par­ti­dos de opo­si­ção ao go­ver­no es­ta­du­al, am­bos des­ta­ca­ram o ca­rá­ter mu­ni­ci­pa­lis­ta da ad­mi­nis­tra­ção de Mar­co­ni, que, acom­pa­nha­do pe­los de­pu­ta­dos es­ta­du­ais Je­an Car­lo e He­lio de sou­sa, for­ma­li­zou con­vê­nio pa­ra re­pas­se de r$ 1 mi­lhão pa­ra re­a­li­za­ção de obras de pa­vi­men­ta­ção das ru­as de ter­ra e re­ca­pe­a­men­to das vi­as que ne­ces­si­tam de ma­nu­ten­ção.

O go­ver­na­dor des­ta­cou o ca­rá­ter de paz que mo­ve sua ma­nei­ra de fa­zer po­lí­ti­ca. “O po­vo não quer sa­ber de bri­ga po­lí­ti­ca, quer sa­ber de re­sul­ta­do. Elei­ção ter­mi­nou, to­do mun­do tem que es­tar jun­to pe­lo bem da ci­da­de, pe­lo bem da ci­da­de. Nos­sa po­lí­ti­ca é de paz, não é de guer­ra. Não é de vir aqui e xin­gar os ou­tros. Tem mui­ta gen­te que xin­ga mui­to, mas não faz na­da”, afir­mou, sob aplau­sos.

“is­so é tão im­por­tan­te. No bra­sil, o úni­co go­ver­na­dor que to­mou ini­ci­a­ti­va mu­ni­ci­pa­lis­ta foi Mar­co­ni Pe­ril­lo. Ele não tem si­gla par­ti­dá­ria”, agra­de­ceu o pre­fei­to pe­e­me­de­bis­ta, que afir­mou ter no­ta­do en­tre os co­le­gas ges­to­res de ou­tros mu­ni­cí­pi­os um sen­ti­men­to pa­re­ci­do com o de­le. “O re­cur­so che­ga em uma ho­ra mui­to boa, por­que o País es­tá em uma si­tu­a­ção mui­to di­fí­cil, em uma cri­se pe­sa­da. On­de an­da­mos, ve­mos pre­fei­tos com di­fi­cul­da­des e es­se benefício che­gan­do, vai ge­rar ren­da, por­que vai ter em­pre­go e is­so é im­por­tan­te de­mais. Es­tou sa­tis­fei­to. se não fos­se es­sa par­ce­ria, não sei co­mo es­ta­ri­am os mu­ni­cí­pi­os goi­a­nos ho­je”, ava­li­ou.

Pa­ra o vi­ce-pre­fei­to, Deu­si­mar re­sen­de bor­ges “Pe­zão”, fi­li­a­do ao DEM, par­ti­do que, as­sim co­mo o PMDB, tam­bém faz opo­si­ção ao go­ver­no es­ta­du­al, Mar­co­ni faz uma ges­tão que clas­si­fi­cou de “mu­ni­ci­pa­lis­ta”. “gra­ças a Deus, Mar­co­ni não vê si­gla par­ti­dá­ria. a gen­te tem no­ta­do is­so ne­le. É um go­ver­na­dor em­pre­en­de­dor e veio pa­ra nos aju­dar.”

Mar­co­ni des­ta­cou o fa­to de o Pro­gra­ma goiás na Fren­te não fa­zer dis­tin­ção so­bre os par­ti­dos aos quais os pre­fei­tos es­tão fi­li­a­dos. “Es­ta é uma agen­da mu­ni­ci­pa­lis­ta. Es­ta­mos aju­dan­do os pre­fei­tos que es­tão em di­fi­cul­da­des, pre­fei­tos de to­dos os par­ti­dos”, su­bli­nhou o go­ver­na­dor. O go­ver­na­dor afir­mou que não fal­ta­rão re­cur­sos pa­ra re­a­li­za­ção das obras, pois já es­tão ga­ran­ti­dos com a pri­va­ti­za­ção da Celg. “O di­nhei­ro já es­tá na con­ta. O que não vai fal­tar são re­cur­sos pa­ra aju­dar os pre­fei­tos”, adi­an­tou.

FAM

“Fa­ze­mos po­lí­ti­ca de paz”, diz go­ver­na­dor na as­si­na­tu­ra de con­vê­nio no va­lor de R$ 1 mi­lhão do Goiás na Fren­te

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.