Vin­te pes­so­as mor­rem em ti­ro­teio em Las Ve­gas

Brasil em Folhas - - Primeira Página -

Mais de 20 pes­so­as mor­re­ram no do­min­go (1°/10) à noi­te quan­do um ho­mem, que foi mor­to pe­la po­lí­cia, abriu fo­go con­tra uma mul­ti­dão que as­sis­tia a um fes­ti­val de mú­si­ca coun­try em Las Ve­gas.

O au­tor do mas­sa­cre ati­rou do 32º an­dar do ho­tel Man­da­la Bay, lo­ca­li­za­do na ave­ni­da cen­tral Strip, on­de acon­te­cia a ter­cei­ra e úl­ti­ma noi­te de um fes­ti­val de mú­si­ca coun­try. “Te­mos mais de 100 fe­ri­dos e mais de 20 mor­tos no mo­men­to”, afir­mou o xe­ri­fe Jo­seph Lom­bar­do em uma en­tre­vis­ta co­le­ti­va, du­ran­te a qual in­di­cou que as au­to­ri­da­des acre­di­tam que o ata­que foi co­me­ti­do por ape­nas uma pes­soa. O ati­ra­dor ini­ci­ou o ata­que pou­co de­pois das 22h lo­cais (2h de Bra­sí­lia). O can­tor Ja­son Al­de­an, que con­se­guiu es­ca­par, es­ta­va no pal­co quan­do os es­pec­ta­do­res ou­vi­ram as pri­mei­ras ra­ja­das de ti­ros. Em pou­cos se­gun­dos a mú­si­ca pa­rou de to­car, se­gun­do um ví­deo di­vul­ga­do nas re­des so­ci­ais.

No ví­deo, uma mu­lher fa­la “abai­xa, fi­ca abai­xa­do” pou­co de­pois da in­ter­rup­ção da mú­si­ca e um cli­ma de con­fu­são do­mi­na o lo­cal. Me­nos de um mi­nu­to de­pois é pos­sí­vel ou­vir no­vos dis­pa­ros. Lom­bar­do in­di­cou que a po­lí­cia ma­tou o cri­mi­no­so, que as au­to­ri­da­des acre­di­tam que era um mo­ra­dor da ci­da­de, no quar­to de ho­tel e que pro­cu­ra a mu­lher que o acom­pa­nha- va pa­ra um interrogatório. “Te­mos dois po­li­ci­ais que es­tão no hos­pi­tal, um em es­ta­do crí­ti­co, o ou­tro com fe­ri­men­tos le­ves”, dis­se.

Em maio, um aten­ta­do com bom­ba na saí­da de um show da can­to­ra Ari­a­na Gran­de em Man­ches­ter, In­gla­ter­ra, dei­xou 22 mor­tos e 116 fe­ri­dos.

FOGOS DE AR­TI­FÍ­CIO

Mui­tas pes­so­as pen­sa­ram, em um pri­mei­ro mo­men­to, que o ba­ru­lho era pro­vo­ca­do por fogos de ar­ti­fí­cio. Da­mon Le­a­ch afir­mou ao ca­nal CNN que os ti­ros du­ra­ram “mui­to tem­po”. “Nos es­con­de­mos atrás de li­xei­ras, de qual­quer coi­sa. Ca­da vez que es­cu­tá­va­mos um ti­ro nos es­con­día­mos”.

Uma mu­lher iden­ti­fi­ca- da ape­nas co­mo Ch­ris­tie de­cla­rou à emis­so­ra KLAS que ao ou­vir os ti­ros cor­reu com o ma­ri­do pa­ra o car­ro. Quan­do che­ga­ram ao es­ta­ci­o­na­men­to, en­con­tra­ram um ho­mem fe­ri­do, que pe­diu aju­da. O ca­sal le­vou al­gu­mas pes­so­as pa­ra o hos­pi­tal.

“Es­ta noi­te vai além do hor­rí­vel. Ain­da não sei o que di­zer, mas gos­ta­ria de in­for­mar a to­dos que mi­nha equi­pe e eu es­ta­mos se­gu­ros. Meus pen­sa­men­tos e ora­ções vão pa­ra to­dos os afe­ta­dos es­ta noi­te. Meu co­ra­ção es­tá par­ti­do que is­to te­nha acon­te­ci­do com qual­quer pes­soa que es­ta­va aqui pa­ra ter uma noi­te di­ver­ti­da”, es­cre­veu Al­de­an no Ins­ta­gram.

A po­lí­cia fe­chou gran­de par­te da Las Ve­gas Strip, a ave­ni­da on­de fi­cam os prin­ci­pais ho­téis-cas­si­nos da ci­da­de, e as au­to­ri­da­des pe­di­ram às pes­so­as que não trans­mi­tis­sem ao vi­vo ou com­par­ti­lhas­sem (nas re­des so­ci­ais) a po­si­ção dos agen­tes no lo­cal.

O ae­ro­por­to de Las Ve­gas des­vi­ou vá­ri­os vo­os após o in­ci­den­te. “É uma noi­te tris­te pa­ra Las Ve­gas”, es­cre­veu a pre­fei­tu­ra no Twit­ter. O ti­ro­teio acon­te­ceu se­te me­ses após uma ação si­mi­lar que dei­xou um mor­to e um fe­ri­do na mes­ma Las Ve­gas Strip. O si­te Gun Vi­o­len­ce re­gis­tra uma es­ta­tís­ti­ca de 272 gran­des ti­ro­tei­os nos Es­ta­dos Uni­dos no de­cor­rer do ano, sem con­si­de­rar o de do­min­go.

AGÊN­CIA FRAN­CE-PRES­SE

O au­tor do mas­sa­cre ati­rou do 32º an­dar do ho­tel Man­da­la Bay

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.