Sa­la, es­cri­tó­rio e mui­to mais!..

A in­te­gra­ção traz mais fun­ci­o­na­li­da­de e char­me

Casa Linda - - Índice - Tex­to: Ya­ra Lom­bar­di/Co­la­bo­ra­do­ra | De­sign: Aman­da Mar­ques/Co­la­bo­ra­do­ra

D a ne­ces­si­da­de de fazer um ho­me of­fi­ce que trans­mi­tis­se con­for­to, acon­che­go e ins­pi­ra­ção, sur­giu es­te l i ndo pro­je­to do ar­qui­te­to Antonio Ar­man­do de Araújo. Por ser um es­cri­tó­rio de cri­a­ção, os pro­fis­si­o­nais de­ve­ri­am se sen­tir em ca­sa den­tro do am­bi­en­te, e foi es­sa a sen­sa­ção que pre­do­mi­nou no cô­mo­do de 19m². Ca­sa ou es­cri­tó­rio?

Uma gran­de pre­o­cu­pa­ção era não dei­xar a sa­la com apa­rên­cia de ho­me of­fi­ce, mas sim com to­da am­bi­en­ta­ção de um lar. “To­do o ma­te­ri­al do es­cri­tó­rio é guar­da­do em pas­tas den­tro dos ga­ve­tões do mó­vel azul”, con­ta Ar­man­do. Mu­dan­ça to­tal

Co­mo os mo­ra­do­res são os pri - mei­ros a ocu­pa­rem o apar­ta­men­to, foi ne­ces­sá­rio pla­ne­jar qua­se to­do o imó­vel. “Fi­ze­mos o pi­so, o ges­so, a ilu­mi­na­ção e a pin­tu­ra. As por­tas e as pa­re­des, que di­vi­di­am sa­la e va­ran­da, fo­ram de­mo­li­das a fim de ga­nhar mais es­pa­ço e in­te­grar os am­bi­en­tes”, ex­pli­ca o ar­qui­te­to.

As lâm­pa­das de LED di­croi­cas pos­su­em a van­ta­gem de emi­tir me­nos ca­lor

Efei­tos de­se­ja­dos

O ob­je­ti­vo prin­ci­pal do ar­qui­te­to era fazer uma ilu­mi­na­ção calma e pon­tu­al, por is­so, ele op­tou por spots em to­do o es­pa­ço, com lâm­pa­das de LED di­croi­cas. “Além de econô­mi­cas, as lâm­pa­das de LED va­lo­ri­zam o pro­je­to e não al­te­ram a cor do am­bi­en­te”, in­di­ca o pro­fis­si­o­nal.

Cor des­ta­que

O uso do azul jun­to com os tons neu­tros co­mo o bran­co, be­ge e ma­dei­ra é o gran­de des­ta­que do apar­ta­men­to. O tom foi usa­do no ar­má­rio em­bai­xo da pia, em pra­te­lei­ras da es­tan­te e em al­guns ob­je­tos de­co­ra­ti­vos, co­mo a rede.

Di­cas de pro­fis­si­o­nal!

Para ex­plo­rar es­pa­ços re­du­zi­dos, uma das di­cas de Ar­man­do foi apro­vei­tar ao má­xi­mo a ver- ti­ca­li­za­ção do es­pa­ço. “Uti­li­zar pra­te­lei­ras para or­ga­ni­zar ele­men­tos de­co­ra­ti­vos é uma boa op­ção”, in­di­ca o ar­qui­te­to.

O re­ves­ti­men­to dos pi­sos fi­cou por con­ta do por­ce­la­na­to

Pro­je­to: Antonio Ar­man­do de Araújo Ar­qui­te­tu­ra e De­sign, São Paulo - SP

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.