INSS de­mo­ra três me­ses pa­ra cor­ri­gir be­ne­fí­cio

Correio da Bahia - - Economia -

RE­VI­SÃO O pen­te-fi­no que o INSS pro­mo­ve pa­ra cor­tar au­xí­li­os-do­en­ça e apo­sen­ta­do­ri­as por in­va­li­dez es­tá afe­tan­do quem pre­ci­sa pe­dir cor­re­ção nos va­lo­res dos be­ne­fí­ci­os pre­vi­den­ciá­ri­os. Em São Pau­lo, o tem­po mé­dio de es­pe­ra por aten­di­men­to pa­ra re­vi­são em um pos­to do INSS é de 102 di­as. O pra­zo é mais do que o do­bro dos 45 di­as a par­tir dos quais o ins­ti­tu­to é obri­ga­do a pa­gar cor­re­ção nos va­lo­res de­vi­dos em con­ces­são ou re­vi­são de be­ne­fí­cio. A re­vi­são por in­ca­pa­ci­da­de, uma das cau­sas pa­ra a len­ti­dão, é uma das ações do go­ver­no pa­ra re­du­zir os gas­tos da Pre­vi­dên­cia. O INSS pla­ne­ja re­vi­sar 530 mil au­xí­li­os-do­en­ça. Tam­bém se­rão ava­li­a­das 1,1 mi­lhão de apo­sen­ta­do­ri­as por in­va­li­dez de pes­so­as com me­nos de 60 anos. Com o can­ce­la­men­to de be­ne­fí­ci­os in­de­vi­dos, a eco­no­mia se­rá de R$ 916 mi­lhões ao ano. O ór­gão in­for­mou que as so­li­ci­ta­ções es­tão de­mo­ran­do por­que a pri­o­ri­da­de “es­tá sen­do da­da aos pe­di­dos ini­ci­ais dos ser­vi­ços do INSS e à re­vi­são dos be­ne­fí­ci­os por in­ca­pa­ci­da­de”.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.