24h Es­ta­do subs­ti­tui­rá 550 mé­di­cos de pro­gra­ma

Correio da Bahia - - Bahia - MA­RIA LANDEIRO

MAIS MÉ­DI­COS No pró­xi­mo mês, o Pro­gra­ma Mais Mé­di­cos na Bahia te­rá de subs­ti­tuir cerca de 550 mé­di­cos, que te­rão seus con­tra­tos fi­na­li­za­dos en­tre no­vem­bro e de­zem­bro des­te ano. A du­ra­ção dos con­tra­tos é de três anos. Após es­se pe­río­do, os mé­di­cos que vi­e­ram de fo­ra, pe­lo acor­do en­tre o Bra­sil, a Or­ga­ni­za­ção Pan-Ame­ri­ca­na de Saú­de (Opas) e o go­ver­no de Cu­ba, de­ve­rão re­tor­nar ao país de ori­gem. De acor­do com o co­or­de­na­dor do pro­gra­ma na Bahia, Ân­ge­lo Castro Lima, a pre­vi­são é que os no­vos mé­di­cos che­guem en­tre de­zem­bro e ja­nei­ro. Se­rão dis­tri­buí­dos por to­do o es­ta­do, em mais de 300 mu­ni­cí­pi­os. Ain­da se­gun­do ele, es­ses mé­di­cos atu­am na Bahia des­de 2013, quan­do o pro­gra­ma foi lan­ça­do. Os no­vos mé­di­cos tam­bém vi­rão de Cu­ba, po­den­do, en­tre­tan­to, ser cu­ba­nos ou bra­si­lei­ros for­ma­dos na­que­le país. Na úl­ti­ma se­gun­da-fei­ra, de­sem­bar­ca­ram, em Salvador, 38 mé­di­cos vin­dos de Cu­ba, pa­ra subs­ti­tuir aque­les que so­li­ci­ta­ram o fim de mis­são ou que não re­tor­na­ram do re­ces­so por al­gum mo­ti­vo. Se­gun­do a Secretaria Es­ta­du­al de Saú­de (Se­sab), os 38 no­vos pro­fis­si­o­nais vão tra­ba­lhar em 30 mu­ni­cí­pi­os bai­a­nos. São eles: Adus­ti­na, An­do­ri­nha, Apo­rá, Bar­ra da Es­ti­va, Cai­ru, Ca­na­ra­na, Car­de­al da Sil­va, Castro Al­ves, Cen­tral, Cí­ce­ro Dan­tas, Co­ro­nel João Sá, Dias D’Ávi­la, Fei­ra de San­ta­na, Ita­gua­çu da Bahia, Itiú­ba, Ja­co­bi­na, Ma­ca­ju­ba, Ma­ra­cás, Me­dei­ros Ne­to, Mi­guel Cal­mon, Mor­ro do Cha­péu, Nova Ca­naã, No­vo Triun­fo, Oli­vei­ra dos Bre­ji­nhos, Qui­jin­gue, Re­man­so, São De­si­dé­rio, Tei­xei­ra de Frei­tas, Te­o­lân­dia e Tu­ca­no. Além dos 38, ou­tros 20 já ti­nham che­ga­do à ca­pi­tal no mês pas­sa­do e a mai­o­ria, se­gun­do o co­or­de­na­dor do pro­gra­ma, é de bra­si­lei­ros for­ma­dos em Cu­ba. Ao to­do, 1.531 mé­di­cos atu­am pe­lo Mais Mé­di­cos no es­ta­do, sen­do que 1.400 são in­ter­cam­bis­tas e 131 são bra­si­lei­ros do Pro­gra­ma de Va­lo­ri­za­ção do Pro­fis­si­o­nal da Aten­ção Bá­si­ca (Pro­vab). O Mais Mé­di­cos foi lan­ça­do pe­lo go­ver­no fe­de­ral em ju­lho de 2013, com apoio da Se­sab. Na épo­ca, a co­ber­tu­ra da Aten­ção Bá­si­ca na Bahia era de cerca de 60%. Atu­al­men­te, o aten­di­men­to de Saú­de da Fa­mí­lia é de 72%, se­gun­do a Se­sab. No to­tal, são 3.353 Equi­pes de Saú­de da Fa­mí­lia (ESF) no es­ta­do.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.