In­fla­ção é a me­nor pa­ra se­tem­bro des­de 1998

Correio da Bahia - - Economia -

IPCA Após me­ses pres­si­o­nan­do o or­ça­men­to das fa­mí­li­as bra­si­lei­ras, os pre­ços dos ali­men­tos re­cu­a­ram em se­tem­bro. A que­da de 0,29% nos gas­tos com ali­men­ta­ção e be­bi­das le­vou a in­fla­ção ofi­ci­al do país ao me­nor re­sul­ta­do pa­ra o mês des­de 1998. O Ín­di­ce Na­ci­o­nal de Pre­ços ao Con­su­mi­dor Am­plo (IPCA) saiu de 0,44% em agos­to pa­ra 0,08% em se­tem­bro, se­gun­do o IBGE. O re­sul­ta­do re­for­çou as apos­tas de eco­no­mis­tas em re­la­ção a um cor­te na ta­xa de ju­ros (Se­lic) no pró­xi­mo dia 19, na reu­nião do Co­mi­tê de Po­lí­ti­ca Mo­ne­tá­ria (Co­pom) do Ban­co Cen­tral, em­bo­ra não ha­ja con­sen­so em re­la­ção à mag­ni­tu­de do cor­te, se de 0,25 ou 0,5 pon­to per­cen­tu­al. Ho­je, a Se­lic es­tá em 14,25% ao ano. Em­bo­ra a in­fla­ção ain­da es­te­ja mos­tran­do mais re­sis­tên­cia que o es­ti­ma­do, o ce­ná­rio pa­ra os pre­ços no cur­to e mé­dio pra­zos é po­si­ti­vo.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.