TRAQUINANDO

Correio da Bahia - - Front Page - THAÍS BOR­GES, AMANDA ALEXANDRO MO­TA PALMA

No dia em que elas tra­qui­na­ram até não po­der mais, eles tam­bém vi­ra­ram cri­an­ça. Alin­ne Rosa e Már­cio Vic­tor en­tra­ram no cli­ma do fe­ri­a­do de­di­ca­do aos pe­que­nos. No an­fi­te­a­tro do Par­que da Ci­da­de, ao som de hits como Es­ti­lo Meu, Es­pe­ran­do na Ja­ne­la e Di­as de Sol, Alin­ne trou­xe o re­per­tó­rio do DVD País da Fan­ta­sia e ani­mou a pla­teia no fim da ma­nhã.

“O show é um pou­co dis­so. A gen­te ten­ta le­var um mundo de fan­ta­sia, um mundo es­pe­ci­al, cheio de amor, res­pei­to e to­le­rân­cia. A gen­te tam­bém é cri­an­ça. Nes­se mundo (da fan­ta­sia), a gen­te é cri­an­ça”, dis­se, pou­co an­tes de su­bir ao pal­co. Quan­do Alin­ne co­me­çou a can­tar, uma das mais ani­ma­das era Adri­e­le Cer­quei­ra, 6 anos, que veio de Cas­te­lo Branco com a tia e ou­tras três ami­gas.

“Gos­tei mui­to da can­ção de­la”, di­zia. Adri­e­le até ad­mi­tiu não co­nhe­cer to­das as le­tras, mas sa­bia bem como com­pen­sar. “Sei dan­çar to­das”. O show, na ver­da­de, foi a ce­re­ja do bo­lo de­pois de um dia in­tei­ro de di­ver­são – elas es­ta­vam des­de ce­do no par­que. “Já co­mi, brin­quei, ga­nhei brin­que­do... Ser cri­an­ça é uma coi­sa mui­to amo­ro­sa”. Mes­mo com uma chu­vi­nha in­sis­ten­te, o pú­bli­co não de­sa­ni­mou. A do­na de ca­sa Ana Pau­la Sam­paio, 36, foi pre­ve­ni­da, mu­ni­da de guar­da-chu­va pa­ra abri­gar os dois fi­lhos, Yan Sam­paio, 9, e Ana Luí­sa, 12. “Meu ma­ri­do foi bus­car ou­tro no car­ro”. Vin­dos de Ca­ma­ça­ri, os fi­lhos já ti­nham brin­ca­do à von­ta­de. “Já an­da­mos de patins e de ska­te”, con­tou Ana Luí­sa.

Pi­po­ca, al­go­dão do­ce, pu­la-pu­la e Már­cio Vic­tor. Es­sas fo­ram as atra­ções que trans­for­ma­ram a se­de da As­so­ci­a­ção de Ami­gos dos Au­tis­tas da Bahia (AMA) em um par­que de di­ver­sões. Em co­me­mo­ra­ção ao Dia das Cri­an­ças, as fa­mí­li­as que fre­quen­tam a as­so­ci­a­ção apro­vei­ta­ram ain­da a re­a­ber­tu­ra da pis­ci­na do es­pa­ço. De­pois de uma ma­nhã de brin­ca­dei­ras, cri­an­ças, ado­les­cen­tes e adul­tos pu­de­ram apro­vei­tar a mú­si­ca da Ban­da Su­per Swin­guei­ra e do can­tor Már­cio Vic­tor. Pa­ra ele, o mo­men­to é de aler­tar pa­ra a im­por­tân­cia de man­ter do­a­ções pa­ra a ins­ti­tui­ção, que aten­de 201 pes­so­as e tem uma lis­ta de es­pe­ra com mais de 200 pes­so­as. “É mui­to bom ser re­ce­bi­do as­sim. A gen­te pe­de a to­dos que te­nham cui­da­do com eles. A AMA tem um pro­je­to mui­to lin­do e to­do mundo po­de aju­dar”.

Como a me­ni­na­da an­da ca­da vez mais vai­do­sa e en­ga­ja­da, o dia das cri­an­ças tam­bém re­ser­vou uma ofi­ci­na de tor­ço e amar­ra­ções que acon­te­ceu na lo­ja Con­cei­to Ba­zar, uma par­ce­ria do CORREIO com o Shop­ping da Bahia. Com olhos vi­dra­dos e mão­zi­nhas im­pa­ci­en­tes, me­ni­nas apren­de­ram com a es­ti­lis­ta Na­ja­ra Black as téc­ni­cas da mo­da que tem fei­to a ca­be­ça de quem ado­ta a es­té­ti­ca afro no ves­tuá­rio.

Com 12 anos, Odis­lea Eli­se co­nhe­ceu os tor­ços pe­la tia e co­me­çou a apren­der na in­ter­net. “Eu co­me­cei a ir pa­ra es­co­la e to­do mundo gos­tou”, con­ta. Na ofi­ci­na, ela apren­deu no­vas amar­ra­ções e gos­tou prin­ci­pal­men­te do tor­ço fe­cha­do, que des­co­nhe­cia. As atividades da se­ma­na da cri­an­ça na lo­ja se­guem até sábado, quan­do ha­ve­rá uma no­va edi­ção da ofi­ci­na de tur­ban­te in­fan­til.

E

Com re­per­tó­rio di­fe­ren­te, Alin­ne apre­sen­tou seu mundo de fan­ta­si­as pa­ra o Par­que

Vi­si­ta sur­pre­sa! Már­cio Vic­tor ani­mou o Dia das Cri­an­ças da As­so­ci­a­ção dos Au­tis­tas

Ofi­ci­na de tor­ço e amar­ra­ções na Con­cei­to Ba­zar ale­grou me­ni­na­da

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.