Vi­ei­ra e os im­pos­tos

Correio da Bahia - - Mais -

No Ser­mão de San­to Antô­nio, o Pa­dre Antô­nio Vi­ei­ra con­ta que, cer­ta vez, Je­sus Cris­to de­ter­mi­nou a Pe­dro que pa­gas­se os tri­bu­tos de­vi­dos a Cé­sar. O po­bre pes­ca­dor não ti­nha di­nhei­ro e Cris­to or­de­nou en­tão que ele fos­se pes­car, pois na bo­ca do pri­mei­ro pei­xe es­ta­ria a mo­e­da pa­ra hon­rar o im­pos­to.

A pa­rá­bo­la é per­fei­ta e quer lem­brar que não se pa­ga im­pos­to com o pei­xe, mas com o que vem na bo­ca do pei­xe. Lem­brei do Pa­dre Vi­ei­ra quan­do o mi­nis­tro da Fa­zen­da, Hen­ri­que Mei­rel­les, dis­se que se a PEC dos gas­tos não fos­se apro­va­da, fa­tal­men­te se­ri­am ne­ces­sá­ri­as no­vas me­di­das e no­vos im­pos­tos não es­ta­ri­am des­car­ta­dos. Co­mo no Bra­sil o im­pos­to gra­va o pei­xe e não o que vem na bo­ca do pei­xe, ben­di­ta se­ja a PEC dos gas­tos.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.