Sé­rie no COR­REIO des­ta­ca 10 ar­tis­tas bai­a­nos

Correio da Bahia - - Variedades - ANA CRIS­TI­NA PE­REI­RA

BAIANIDADE A par­tir de ama­nhã, o COR­REIO pu­bli­ca uma sé­rie as­si­na­da pe­lo jor­na­lis­ta e es­cri­tor Ro­gé­rio Me­ne­zes, 62 anos, que faz um mer­gu­lho na cul­tu­ra bai­a­na, atra­vés de dez per­so­na­gens mui­to es­pe­ci­ais: Tom Zé, Gal Cos­ta, João Ubal­do Ri­bei­ro, Waly Salomão, Ma­ria Bethâ­nia, Ca­e­ta­no Ve­lo­so, João Gil­ber­to, Glau­ber Ro­cha, Gil­ber­to Gil e Jor­ge Ama­do. Se­ma­nal­men­te, até 23 de de­zem­bro, Ro­gé­rio vai nar­rar en­con­tros re­ais e ima­gi­ná­ri­os com es­ses ar­tis­tas, que são fun­ta­men­tais em sua for­ma­ção e de mui­tos de nós. A ideia, ex­pli­ca, é “ho­me­na­ge­ar as pes­so­as que fi­ze­ram a mi­nha ca­be­ça na in­fân­cia e co­me­ço da ado­les­cên­cia e ain­da a fa­zem até ho­je”. O tex­to de es­treia, Eu & TomZé, por exem­plo, fa­la des­de a pri­mei­ra vez em que Ro­gé­rio viu Tom Zé, nos anos 60, num co­mer­ci­al na TV Ita­po­an, até os vá­ri­os en­con­tros pos­te­ri­o­res com o tro­pi­ca­lis­ta, que no úl­ti­mo dia 11 fez 80 anos. Nes­se meio-tem­po, mui­ta coi­sa acon­te­ceu, in­clu­si­ve na vi­da de Ro­gé­rio, que nas­ceu em Je­quié, es­tu­dou em Sal­va­dor e mo­rou em ci­da­des co­mo São Pau­lo, Bra­sí­lia e Rio, tra­ba­lhan­do em veí­cu­los co­mo Cor­reio Bra­zi­li­en­se, Ve­ja São Pau­lo, Ma­rie Clai­re, Ca­ras, O Es­ta­do de S. Pau­lo e Fo­lha da Tar­de. Ro­gé­rio con­ta que a ideia da sé­rie nas­ceu do re­en­con­tro com Je­quié - on­de es­tá mo­ran­do no­va­men­te - e com as pai­sa­gens, co­res e pes­so­as da sua in­fân­cia. “Tam­bém re­lem­brei os gran­des ído­los cul­tu­rais da mi­nha in­fân­cia na se­gun­da me­ta­de dos anos 1960, e que, pos­te­ri­or­men­te, en­tre­vis­tei no pa­pel de jor­na­lis­ta, ou, sim­ples­men­te ad­mi­rei a dis­tân­cia. Eles são o ‘crè­me de la crè­me’ da cul­tu­ra bai­a­na e bra­si­lei­ra dos anos 1950 pa­ra cá”, diz Ro­gé­rio. Pa­ra ele, o que uni­fi­ca os per­so­na­gens que se­le­ci­o­nou é o grau de ex­ce­lên­cia de seus tra­ba­lhos ar­tís­ti­cos. “São an­te­nas da ra­ça bai­a­na, bra­si­lei­ra e mun­di­al. Sou ex­tre­ma­men­te cos­mo­po­li­ta, ado­ro mer­gu­lhar em cul­tu­ras de es­ta­dos e paí­ses di­fe­ren­tes, mas não há co­mo du­vi­dar: a Bahia é um ce­lei­ro de su­mi­da­des da cul­tu­ra bra­si­lei­ra. Nun­ca tan­tos gê­ni­os fo­ram pa­ri­dos nu­ma úni­ca re­gião do país”, des­ta­ca Ro­gé­rio, que é au­tor dos ro­man­ces Meu No­me É Gal (1984), Três Ele­fan­tes na Ópe­ra (2001) e Um Náu­fra­go que Ri (2009), e do li­vro de crô­ni­cas A So­li­dão Vai Aca­bar com Ela (2003).

O jor­na­lis­ta e es­cri­tor Ro­gé­rio Me­ne­zes nar­ra es­con­tros re­ais e ima­gi­ná­ri­os

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.