Fil­me re­pe­ti­do

Correio da Bahia - - Mais - Ale­xan­dro Mo­ta, Ki­via Sou­za e Tai­la­ne Mu­niz mais@cor­rei­o24ho­ras.com.br

Ho­mens ar­ma­dos en­tram num ôni­bus cheio que faz a li­nha Ma­re­chal Ron­don-Bar­ra, por vol­ta de 6h, na al­tu­ra da Ja­quei­ra do Carneiro. Eles anun­ci­am um as­sal­to, quan­do um pas­sa­gei­ro re­a­ge, ati­ra con­tra os ban­di­dos e a si­tu­a­ção aca­ba com uma pes­soa mor­ta e pas­sa­gei­ros feridos, em meio a pâ­ni­co e con­fu­são ge­ne­ra­li­za­da. O ro­tei­ro é o mes­mo, e até um per­so­na­gem se re­pe­te em du­as oca­siões ocor­ri­das em 22 de ju­lho des­te ano e on­tem. No en­tan­to, em vez de a ví­ti­ma fa­tal ser um pas­sa­gei­ro, des­sa vez so­brou pa­ra o as­sal­tan­te.

Fe­li­pe Silva So­a­res, 20 anos, mor­reu após ser ba­le­a­do por um ho­mem não iden­ti­fi­ca­do, que re­a­giu à abor­da­gem fei­ta por ele e um com­par­sa, on­tem, quan­do o ôni­bus pas­sa­va pe­la BR-324, no sen­ti­do Cen­tro. Além de­le, du­as pes­so­as ficaram fe­ri­das no ata­que pre­sen­ci­a­do por 55 pas­sa­gei­ros e o mo­to­ris­ta, Jor­ge Ba­tis­ta, 51, o tal per­so­na­gem re­pe­ti­do.Era ele quem con­du­zia o co­le­ti­vo há qua­se três me­ses, quan­do o en­car­re­ga­do de obras Ju­lio Fa­ri­as Cos­ta, 46, mor­reu ao le­var um ti­ro na bar­ri­ga du­ran­te ten­ta­ti­va de as­sal­to e re­a­ção de ou­tro pas­sa­gei­ro, na mes­ma li­nha. Na oca­sião, hou­ve ti­ro­teio e seis pes­so­as aca­ba­ram ba­le­a­das. “A si­tu­a­ção não mu­da. A gen­te tem que fi­car cal­mo e não re­a­gir”, dis­se Jor­ge (ver en­tre­vis­ta ao la­do).

CO­BER­TU­RA

Se­gun­do o mo­to­ris­ta, lo­go que en­trou no ôni­bus, Fe­li­pe e o com­par­sa, ain­da não iden­ti­fi­ca­do, anun­ci­a­ram o as­sal­to. Du­ran­te o ata­que, o ro­do­viá­rio dis­se que ou­viu um úni­co dis­pa­ro fei­to do meio do veí­cu­lo, que atin­giu o ra­paz.

Ao ou­vir o ti­ro, o com­par­sa do as­sal­tan­te or­de­nou que ele pa­ras­se o veí­cu­lo no tre­cho da Bai­xa do Ca­mu­ru­gi­pe. Lo­go em se­gui­da, des­ceu e en­trou em um car­ro pre­to mo­de­lo Cel­ta, que es­ta­va acom­pa­nhan­do o co­le­ti­vo. De acor­do com a Po­lí­cia Ci­vil, o ban­di­do fu­giu com ou­tros dois ho­mens que o aguar­da­vam no car­ro.

Uma pas­sa­gei­ra, iden­ti­fi­ca­da co­mo Ka­ri­na Pereira dos Santos, tam­bém foi ba­le­a­da e so­cor­ri­da pa­ra o Hos­pi­tal Ge­ral do Es­ta­do (HGE). Se­gun­do a ocor­rên­cia re­gis­tra­da no pos­to po­li­ci­al da uni­da­de, a ví­ti­ma foi atin­gi­da na co­xa es­quer­da. O do­cu­men­to diz ain­da que os sus­pei­tos exi­gi­am os per­ten­ces quan­do um dos pas­sa­gei­ros sa­cou a ar­ma e re­a­giu. Hou­ve pâ­ni­co e ou­tra pas­sa­gei­ra tor­ceu o pé na con­fu­são e tam­bém foi so­cor­ri­da.

Pas­sa­gei­ro ma­ta sus­pei­to em li­nha que re­gis­trou ti­ro­teio há 3 me­ses

AVÓ DE SUS­PEI­TO

A avó de Fe­li­pe, a do­més­ti­ca Si­lei­de Fer­rei­ra, 61, es­te­ve no lo­cal e re­co­nhe­ceu o cor­po do ne­to. Aba­la­da, ela dis­se que só sou­be da mor­te de Fe­li­pe por­que o sus­pei­to que fu­giu pro­cu­rou a fa­mí­lia. “Ele foi avi­sar na ca­sa da mi­nha fi­lha. Eu vim ver por­que não acre­di­tei”,

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.