Rei­tor se reú­ne com ví­ti­mas e diz que vai ti­rar pos­to do BB

Correio da Bahia - - Mais -

O rei­tor da Uf­ba, João Car­los Sal­les, se reu­niu, on­tem à tar­de, com os es­tu­dan­tes que fo­ram ren­di­dos e as­sal­ta­dos an­te­on­tem, na Es­co­la Po­li­téc­ni­ca. Após o en­con­tro, na Rei­to­ria, Sal­les afir­mou que de­ci­diu re­ti­rar o pos­to do Ban­co do Brasil do cam­pus da Fe­de­ra­ção. “Além de re­ti­rar o cai­xa, to­ma­rei ou­tras me­di­das, co­mo o au­men­to dos vi­gi­lan­tes e dos pos­tos de vi­gi­lân­cia”, ga­ran­tiu.

Em fe­ve­rei­ro, a Uf­ba já ha­via anun­ci­a­do dez me­di­das emer­gen­ci­ais, após di­ver­sos cri­mes no iní­cio do ano den­tro dos cam­pi. Com pra­zo de 90 di­as para se­rem cum­pri­das, as me­di­das de­ve­ri­am ter si­do fi­na­li­za­das no fim de maio. Em ju­nho, o COR­REIO per­cor­reu a Uf­ba e ve­ri­fi­cou que só du­as das dez me­di­das fo­ram cum­pri­das in­te­gral­men­te. Na oca­sião, a Uf­ba dis­se que fal­tou di­nhei­ro para cum­prir al­gu­mas me­di­das, de­vi­do à cri­se econô­mi­ca.

On­tem, o COR­REIO vol­tou à Uf­ba. A ve­ge­ta­ção, nos lo­cais vi­si­ta­dos, es­tá po­da­da, e há vi­gi­lan­tes ao lon­go dos ca­mi­nhos. Al­guns pos­tes, po­rém, es­tão que­bra­dos. Os alu­nos ain­da se sen­tem in­se­gu­ros e re­la­tam as­sal­tos (ver ao la­do).

Ata­que ao BB Na ma­dru­ga­da de 15/3 des­te ano, qua­tro vi­gi­lan­tes da Es­co­la Po­li­téc­ni­ca fo­ram ren­di­dos e pre­sos nu­ma gua­ri­ta por seis ban­di­dos, qu­an­do es­ta­vam de plan­tão. O ban­do pu­lou o mu­ro do cam­pus e bus­cou ar­mas e um ma­ça­ri­co em um car­ro es­ta­ci­o­na­do no lo­cal pre­vi­a­men­te. O pla­no era ar­rom­bar um pos­to ban­cá­rio no lo­cal, mas não deu cer­to e a qua­dri­lha fu­giu le­van­do per­ten­ces dos se­gu­ran­ças.

Mor­te no cam­pus Erick­son Freire dos San­tos, 37, mor­reu após cair de uma al­tu­ra de 7m no Ins­ti­tu­to de Quí­mi­ca, na ma­dru­ga­da do dia 4/3 do ano pas­sa­do. Se­gun­do a po­lí­cia, ele es­ta­va ten­tan­do ar­rom­bar o por­tão do Ins­ti­tu­to de Fí­si­ca, mas a ação cha­mou a aten­ção dos se­gu­ran­ças. Erick­son, que tra­ba­lha­va com re­fri­ge­ra­ção, en­tão cor­reu e caiu na ri­ban­cei­ra. Ele ha­via bri­ga­do com a na­mo­ra­da ho­ras an­tes.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.