Cor­po es­tra­nho

Correio da Bahia - - Bahia -

O co­man­do do PDT em Bra­sí­lia e na Bahia de­mons­trou sur­pre­sa com as no­tí­ci­as so­bre uma even­tu­al in­ves­ti­da pa­ra fi­li­ar o go­ver­na­dor Rui Cos­ta (PT) ao par­ti­do. Pre­si­den­te da le­gen­da no es­ta­do, o de­pu­ta­do fe­de­ral Fé­lix Men­don­ça Jú­ni­or ga­ran­tiu que nun­ca hou­ve qual­quer ne­go­ci­a­ção ou mo­vi­men­to com ob­je­ti­vo de atrair o pe­tis­ta. “Es­se é um as­sun­to com­ple­ta­men­te des­co­nhe­ci­do em to­das as ins­tân­ci­as do PDT. Con­fes­so que não sei de on­de is­so saiu”, as­si­na­lou, em re­fe­rên­cia à re­por­ta­gem pu­bli­ca­da on­tem pe­lo jor­nal O Es­ta­do de S.Pau­lo, acer­ca das ar­ti­cu­la­ções de Ci­ro Gomes, vir­tu­al can­di­da­to pe­de­tis­ta à Pre­si­dên­cia em 2018. Fé­lix Jú­ni­or dis­se ain­da que con­ver­sou pes­so­al­men­te com o pre­si­den­te na­ci­o­nal da si­gla, o ex-mi­nis­tro Car­los Lu­pi, so­bre as es­pe­cu­la­ções. Se­gun­do o par­la­men­tar, o ex-mi­nis­tro tam­bém se mos­trou sur­pre­so. “Tanto eu quan­to Lu­pi acha­mos Rui um qua­dro des­ta­ca­do den­tro do PT. É um no­me de pe­so, mas seu in­gres­so no par­ti­do es­tá fo­ra de pau­ta, se­quer foi co­gi­ta­do”, emen­dou. En­tre os dois ca­ci­ques do PDT, a ques­tão é sa­ber de on­de par­tiu o ba­lão de en­saio. Pe­lo si­lên­cio do go­ver­na­dor, as apos­tas se con­cen­tram, a prin­cí­pio, no Pa­lá­cio de On­di­na e na ban­ca­da bai­a­na do Con­gres­so.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.