Vol­ta, FFFHHH

Correio da Bahia - - Mais -

Em 1995, Fer­nan­do Hen­ri­que Car­do­so ele­geu-se pre­si­den­te e as­sim sur­giu FH. Um ano de­pois ele co­me­çou a tra­ba­lhar sua re­e­lei­ção e daí nas­ceu FFHH. Ago­ra o tu­ca­no Xi­co Gra­zi­a­no, seu as­ses­sor di­re­to no Pla­nal­to, lan­çou-o co­mo can­di­da­to a pre­si­den­te. Po­de ser nu­ma elei­ção in­di­re­ta, pa­ra um man­da­to-tam­pão ca­so Mi­chel Te­mer se­ja im­pe­di­do, ou nu­ma di­re­ta, em 2018. Nes­se ca­so, a con­ta dos vo­tos se­ria ou­tra. FFFHHH dis­se que “ja­mais co­gi­tou” dis­pu­tar a Pre­si­dên­cia pe­la ter­cei­ra vez. Aos 85 anos, po­de­ria ter di­to que “ja­mais co­gi­ta­rá”, mas não dis­se.

Nun­ca é de­mais re­pe­tir a fór­mu­la do ge­ne­ral ame­ri­ca­no Wil­li­am Sher­man, o car­ras­co do Sul du­ran­te a Guer­ra da Se­ces­são. Ele in­for­mou:

“Nun­ca fui e nun­ca se­rei can­di­da­to a pre­si­den­te. Se for in­di­ca­do, re­cu­sa­rei a can­di­da­tu­ra e, mes­mo que ve­nha a ser elei­to por una­ni­mi­da­de, não as­su­mi­rei o car­go”.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.