Cus­to Bra­sil nas es­tra­das

Correio da Bahia - - Mais -

Seis em ca­da dez quilô­me­tros de ro­do­vi­as na Bahia se en­con­tram em con­di­ções re­gu­la­res, ruins ou pés­si­mas, apon­ta a Pes­qui­sa CNT de Ro­do­vi­as 2016. O re­sul­ta­do que atin­ge 63,4% das ro­do­vi­as bai­a­nas es­tá pró­xi­mo à mé­dia na­ci­o­nal, de 58,2%, e ex­põe as di­fi­cul­da­des que a po­pu­la­ção em ge­ral pas­sa pa­ra se lo­co­mo­ver e a ini­ci­a­ti­va pri­va­da pa­ra es­co­ar a pro­du­ção em um es­ta­do com­pa­rá­vel à Fran­ça em di­men­são. Du­as en­tre as dez pi­o­res li­ga- ções ro­do­viá­ri­as do Bra­sil pas­sam pe­la Bahia – en­tre Na­ti­vi­da­de (TO) e Bar­rei­ras e en­tre Te­re­si­na (PI) e Bar­rei­ras. As más con­di­ções das pis­tas ge­ra­ram um con­su­mo adi­ci­o­nal de 700 mi­lhões de li­tros de óleo di­e­sel no Bra­sil no ano pas­sa­do – ao cus­to de R$ 2,34 bi­lhões pa­ra trans­por­ta­do­ras. Ruim pa­ra as em­pre­sas? Sim, mas no fim das con­tas a des­pe­sa ex­tra vai pa­ra os pro­du­tos con­su­mi­dos no país. É o mal­di­to Cus­to Bra­sil.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.