Pon­ta­ria bem ca­li­bra­da

Correio da Bahia - - Front Page - Da­ni­e­la Le­o­ne da­ni­e­la.le­o­ne@re­de­bahia.com.br

Os prin­ci­pais ata­can­tes do Bahia na tem­po­ra­da se mos­tram de­ci­si­vos nes­ta re­ta fi­nal da Sé­rie B. Her­na­ne não mar­ca­va ha­via 52 di­as quan­do sa­cra­men­tou o triun­fo por 1x0 con­tra o Sam­paio Cor­rêa, na ter­ça-fei­ra pas­sa­da, na Fon­te No­va, e ga­ran­tiu a per­ma­nên­cia tri­co­lor no G4, aos 46 mi­nu­tos do se­gun­do tem­po.

No úl­ti­mo sá­ba­do, de­pois de ter pas­sa­do em bran­co nas du­as ro­da­das an­te­ri­o­res, Edi­gar Ju­nio re­sol­veu a pa­ra­da con­tra o Lu­ver­den­se. Au­tor dos gols do Bahia no em­pa­te em 2x2 no es­tá­dio Pas­so das Emas, em Lucas do Rio Ver­de, o ata­can­te deu à tor­ci­da tri­co­lor, aos 49 mi­nu­tos da eta­pa fi­nal, a pos­si­bi­li­da­de de co­me­mo­rar o aces­so na pró­xi­ma ro­da­da, sá­ba­do.

Pa­ra is­so acon­te­cer, bas­ta que o Bahia der­ro­te o Bra­gan­ti­no, às 16h30, na Fon­te No­va, e que o Náu­ti­co não ven­ça seu con­fron­to com o Tu­pi, em Juiz de Fo­ra-MG. A ca­sa tri­co­lor es­ta­rá lo­ta­da, já que os in­gres­sos es­go­ta­ram des­de sex­ta-fei­ra: 43.535 tor­ce­do­res ga­ran­ti­ram pre­sen­ça no que po­de ser a fes­ta do aces­so.

De acor­do com o De­par­ta­men­to de Ma­te­má­ti­ca da Uni­ver­si­da­de Fe­de­ral de Mi­nas Ge­rais (UFMG), o Es­qua­drão tem 83,9% de pro­ba­bi­li­da­de de su­bir pa­ra a Sé­rie A.

Os nú­me­ros apon­tam que se o Náu­ti­co tro­pe­çar vai ter fes­ta sim na Fon­te. Me­lhor man­dan­te da Sé­rie B, o Bahia con­quis­tou 44 dos 54 pon­tos dis­pu­ta­dos em ca­sa. Em 18 jo­gos, ven­ceu 14, em­pa­tou dois e per­deu ou­tros dois (81% de apro­vei­ta­men­to). No se­gun­do tur­no, não va­ci­lou ne­nhu­ma vez e tem 100% de apro­vei­ta­men­to em seus do­mí­ni­os.

No que­si­to bo­la na re­de o Bahia tam­bém vai bem. Com 53 gols, o ti­me tem o ter­cei­ro me­lhor ata­que da com­pe­ti­ção. Fi­ca trás ape­nas de Atlé­ti­co Goi­a­ni­en­se, que mar­cou 57, e CRB, que fez 54. A mai­o­ria dos gols tri­co­lo­res foi co­me­mo­ra­da em ca­sa: 33. Artilheiro do ti­me na Sé­rie B, Her­na­ne as­si­nou 10. Edi­gar Ju­nio tem se­te e Ju­ni­nho é o vo­lan­te artilheiro, com seis.

OFEN­SI­VO

Na ro­da­da pas­sa­da, di­an­te do Lu­ver­den­se, o téc­ni­co Gu­to Fer­rei­ra sur­pre­en­deu e abriu mão do es­que­ma tá­ti­co com três ata­can­tes que cos­tu­ma uti­li­zar. Es­ca­lou Fei­jão ao la­do de Re­nê Júnior e Luiz An­to­nio e ini­ci­al­men­te man­dou a cam­po três vo­lan­tes.

“A gen­te en­trou um pou­co mais fe­cha­do, pa­ra tra­var es­sas jo­ga­das de la­do do Lu­ver­den­se e con­se­guir os con­tra-ata­ques”, ex­pli­cou Gu­to, que aca­bou sa­can­do Fei­jão an­tes mes­mo do in­ter­va­lo, quan­do per­dia por 1x0. “Nos 10 pri­mei­ros mi­nu­tos nós con­se­gui­mos is­so, mas eles sen­ti­ram a nos­sa mar­ca­ção e co­me­ça­ram a em­pur­rar em ci­ma da nos­sa za­ga e bus­car em ci­ma dos nos­sos vo­lan­tes”, jus­ti­fi­cou Gu­to, que co­lo­cou o ata­can­te Mi­sa­el em cam­po.

Con­tra o Bra­gan­ti­no, a ten­dên­cia é que o Bahia vol­te a jo­gar no es­que­ma com três ata­can­tes. De­ci­si­vos nas úl­ti­mas du­as ro­da­das, Her­na­ne e Edi­gar Ju­nio es­tão ga­ran­ti­dos den­tro das qua­tro li­nhas. O ter­cei­ro ata­can­te, no en­tan­to, se­rá con­fir­ma­do ao lon­go da se­ma­na. Gu­to vi­nha uti­li­zan­do Wes­ley Na­tã, op­tou por Vic­tor Ran­gel con­tra Vi­la No­va e Sam­paio Cor­rêa e, quan­do pre­ci­sou me­xer di­an­te do Lu­ver­den­se, es­co­lheu Mi­sa­el.

A de­le­ga­ção tri­co­lor re­tor­nou on­tem pa­ra Sal­va­dor de Lucas do Rio Ver­de e te­ve o res­to do dia de fol­ga. O ti­me se re­a­pre­sen­ta ho­je à tar­de.

Com ter­cei­ro me­lhor ata­que da Sé­rie B, Bahia tem o aces­so na mi­ra

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.