Pla­nos de saú­de via in­ter­net

Correio da Bahia - - Mais - Pris­ci­la Na­ti­vi­da­de com agên­ci­as pris­ci­la.oli­vei­ra@re­de­bahia.com.br

A par­tir de ago­ra, o con­su­mi­dor que qui­ser con­tra­tar um pla­no de saú­de vai po­der fa­zer is­so tam­bém pe­las pla­ta­for­mas di­gi­tais. Is­to por­que a Agên­cia Na­ci­o­nal de Saú­de Suplementar (ANS) re­gu­la­men­tou a con­tra­ta­ção ele­trô­ni­ca de pla­nos de saú­de, com a pu­bli­ca­ção no Diá­rio Ofi­ci­al da União das re­gras que de­vem dar mais segurança pa­ra quem op­tar pe­la con­tra­ta­ção por meio da in­ter­net ou apli­ca­ti­vos de ce­lu­lar.

A ade­são por par­te das em­pre­sas é fa­cul­ta­ti­va. A me­di­da que es­tá em vi­gor ori­en­ta que as ope­ra­do­ras, ad­mi­nis­tra­do­ras de be­ne­fí­ci­os e cor­re­to­ras si­gam o mes­mo pa­drão qu­an­to à di­vul­ga­ção de in­for­ma­ções so­bre os pro­du­tos dis­po­ní­veis. Os pra­zos pa­ra con­clu­são do pro­ces­so de com­pra e pa­ra a re­a­li­za­ção de pe­rí­cia ou en­tre­vis­ta qua­li­fi­ca­da tam­bém es­tão de­ter­mi­na­dos na nor­ma.

“A com­pra re­mo­ta fa­ci­li­ta a pes­qui­sa dos pla­nos dis­po­ní­veis e a com­pa­ra­ção de pre­ços. É uma re­a­li­da­de nos di­as de ho­je pa­ra o con­su­mi­dor que quer agi­li­da­de, au­to­no­mia e fa­ci­li­da­de. Aci­ma de tu­do, a nor­ma­ti­va da ANS dis­ci­pli­na a prá­ti­ca e as­se­gu­ra a pro­te­ção do con­su­mi­dor, ga­ran­tin­do que as em­pre­sas que op­ta­rem por es­sa mo­da­li­da­de de co­mer­ci­a­li­za­ção de­ve­rão for­ne­cer to­das as in­for­ma­ções ne­ces­sá­ri­as ao fu­tu­ro be­ne­fi­ciá­rio”, ex­pli­cou a di­re­to­ra de De­sen­vol­vi­men­to Se­to­ri­al da ANS, Martha Oli­vei­ra.

ANS re­gu­la­men­ta con­tra­ta­ção de pla­nos por si­tes e apli­ca­ti­vos

OTI­MIS­MO

As ope­ra­do­ras de pla­nos de saú­de en­xer­gam a re­gu­la­men­ta­ção de for­ma po­si­ti­va. A es­ti­ma­ti­va da As­so­ci­a­ção Bra­si­lei­ra de Me­di­ci­na de Gru­po (Abram­ge) é de que os ca­nais on­li­ne se­jam lan­ça­dos a par­tir do iní­cio do pró­xi­mo ano.

No en­tan­to, a as­so­ci­a­ção ain­da não tem es­ti­ma­ti­va de qu­an­to es­pe­ra in­cre­men­tar no nú­me­ro de ade­sões com a co­mer­ci­a­li­za­ção dos pla­nos de saú­de por meio de pla­ta­for­mas di­gi­tais. “A re­so­lu­ção con­tri­bui­rá pa­ra que as ope­ra­do­ras aper­fei­ço­em a ges­tão de seus cus­tos ad­mi­nis­tra­ti­vos, uma vez que é um re­cur­so que pres­cin­de de in­ter­me­diá­ri­os pa­ra que se efe­tu­em as ven­das”, dis­se a en­ti­da­de em no­ta en­vi­a­da ao COR­REIO.

Pa­ra a pre­si­den­te da Fe­de­ra-

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.