Pre­o­cu­pan­te

Correio da Bahia - - Esporte - Da­ni­e­la Le­o­ne da­ni­e­la.le­o­ne@re­de­bahia.com.br

Ele tem bom dri­ble, vai pra ci­ma, cos­tu­ma dar tra­ba­lho aos ad­ver­sá­ri­os e foi o la­te­ral que mais ves­tiu a ca­mi­sa do Bahia nes­ta Sé­rie B, mas ain­da não sa­be se es­ta­rá em cam­po no jo­go que po­de dar o aces­so ao tri­co­lor. De­pois de atu­ar em 23 par­ti­das do cam­pe­o­na­to, Moi­sés é dú­vi­da pa­ra o con­fron­to das 16h30 de sá­ba­do, con­tra o Bra­gan­ti­no, na Fon­te No­va, por­que se­rá jul­ga­do pe­lo Su­pe­ri­or Tri­bu­nal de Jus­ti­ça Des­por­ti­va (STJD) na quin­ta-fei­ra. Em ca­so de pu­ni­ção, o jo­ga­dor po­de tam­bém fi­car de fo­ra da úl­ti­ma rodada, dia 26, con­tra o Atlé­ti­co Goi­a­ni­en­se, fo­ra de ca­sa.

Moi­sés foi ex­pul­so aos 31 mi­nu­tos do se­gun­do tem­po do triun­fo por 1x0 con­tra o Vi­la No­va, no Ser­ra Dou­ra­da, no úl­ti­mo dia 4, pe­la 34ª rodada. Na oca­sião, o árbitro pa­ra­na­en­se Ro­dolpho Tos­ki Mar­ques re­la­tou na sú­mu­la: “(…) após a ex­pul­são, o re­fe­ri­do atle­ta foi em di­re­ção do as­sis­ten­te de nº 01 Ivan Car­los Bo­nh, em­pre­gan­do lin­gua­gem ofen­si­va, gri­tan­do as se­guin­tes pa­la­vras: ‘vo­cê es­tá de sa­ca­na­gem, vo­cê é um mer­da, vai to­mar no seu c...’”, es­cre­veu o árbitro. “Após es­sas pa­la­vras, o re­fe­ri­do atle­ta saiu do cam­po e se­gun­dos de­pois vol­tou a en­trar, vin­do no­va­men­te em sua di­re­ção, gri­tan­do no­va­men­te de ma­nei­ra ofen­si­va: ‘vai to­mar no seu c..., seu mer­da’. O mes­mo te­ve que ser con­ti­do pe­lo pre­pa­ra­dor de go­lei­ros, Sr. Thi­a­go Cos­ta Mehl, da equi­pe do Es­por­te Clu­be Bahia, que saiu do seu ban­co de re­ser­vas e foi até o jo­ga­dor e en­ca­mi­nhou-o ao ves­tiá­rio”, re­la­tou.

Moi­sés cum­priu sus­pen­são na rodada se­guin­te, quan­do o Bahia ven­ceu o Sam­paio Cor­rêa por 1x0, na Fon­te No­va. Vol­tou e foi de­ci­si­vo no em­pa­te em 2x2 con­tra o Lu­ver­den­se ao dar a as­sis­tên­cia pa­ra Edi­gar Ju­nio igua­lar o pla­car aos 49 mi­nu­tos do se­gun­do tem­po.

O STJD ci­tou o la­te­ral tri­co­lor em dois ar­ti­gos do Có­di­go Bra­si­lei­ro de Jus­ti­ça Des­por­ti­va: o ar­ti­go 250 in­ci­so I (pra­ti­car ato des­le­al ou hos­til), cu­ja pe­na é sus­pen­são de uma a três par­ti­das, e o ar­ti­go 243-F (ofen­der al­guém em sua hon­ra), cu­ja pe­na é mul­ta de R$ 100 a R$ 100 mil e sus­pen­são de uma a seis par­ti­das.

Moi­sés já foi ex­pul­so du­as ve­zes na Sé­rie B. A pri­mei­ra foi no em­pa­te em 0x0 com o Náu­ti­co, na Are­na Per­nam­bu­co, dia 10 de se­tem­bro, pe­la 24ª rodada. Na oca­sião, o árbitro re­la­tou na sú­mu­la só a ex­pul­são pe­lo se­gun­do car­tão ama­re­lo, sem des­do­bra­men­tos.

O téc­ni­co Gu­to Fer­rei­ra não re­a­li­zou co­le­ti­vo on­tem, mas

Dú­vi­da con­tra o Bra­gan­ti­no, Moi­sés po­de até não jo­gar mais a Sé­rie B

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.