Gilmar Men­des ne­ga re­cur­so de Dil­ma con­tra in­ves­ti­ga­ção

Correio da Bahia - - Brasil -

CAM­PA­NHA O pre­si­den­te do Tri­bu­nal Su­pe­ri­or Elei­to­ral (TSE), mi­nis­tro Gilmar Men­des, ne­gou on­tem um re­cur­so apre­sen­ta­do pe­la de­fe­sa de Dil­ma Rous­seff con­tra a de­ci­são do mi­nis­tro de pe­dir a in­ves­ti­ga­ção de su­pos­ta prá­ti­ca de atos ilí­ci­tos na cam­pa­nha que re­e­le­geu a pe­tis­ta em 2014. As con­tas de cam­pa­nha da pre­si­den­te Dil­ma fo­ram apro­va­das com res­sal­vas pe­lo TSE em de­zem­bro de 2014. A apro­va­ção se deu na Cor­te após os mi­nis­tros acom­pa­nha­rem o vo­to do re­la­tor, que foi o pró­prio Gilmar. Em agos­to do ano pas­sa­do, no en­tan­to, o mi­nis­tro pe­diu a in­ves­ti­ga­ção de su­pos­ta prá­ti­ca de atos ilí­ci­tos na cam­pa­nha, ale­gan­do que ape­nas em 2015, com o apro­fun­da­men­to das in­ves­ti­ga­ções da La­va Ja­to, vi­e­ram a pú­bli­co re­la­tos so­bre a “uti­li­za­ção de do­a­ção de cam­pa­nha co­mo sub­ter­fú­gio pa­ra pa­ga­men­to de pro­pi­na”. A de­fe­sa de Dil­ma ale­ga que a re­a­ber­tu­ra do ca­so fe­riu a se­gu­ran­ça ju­rí­di­ca. À épo­ca, o mi­nis­tro pe­diu que a Cor­re­ge­do­ria-Ge­ral da Justiça Elei­to­ral apu­ras­se se hou­ve des­cum­pri­men­to das leis. O pro­ces­so, que po­de le­var à cas­sa­ção cha­pa de Dil­ma Rous­seff e Mi­chel Te­mer, de­ve ser jul­ga­do em 2017.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.