Oba­ma diz es­pe­rar que su­ces­sor con­fron­te Rús­sia, se ne­ces­sá­rio

Correio da Bahia - - Mundo -

VI­A­GEM IN­TER­NA­CI­O­NAL O pre­si­den­te dos Es­ta­dos Uni­dos, Ba­rack Oba­ma, dis­se on­tem es­pe­rar que seu su­ces­sor, Do­nald Trump, es­te­ja dis­pos­to a “con­fron­tar a Rús­sia quan­do ela se des­vi­ar de nos­sos va­lo­res e nor­mas in­ter­na­ci­o­nais”. Oba­ma par­ti­ci­pa­va de uma en­tre­vis­ta co­le­ti­va em Ber­lim ao la­do da chan­ce­ler ale­mã An­ge­la Mer­kel, sua prin­ci­pal ali­a­da eu­ro­peia. Eles ha­vi­am dis­cu­ti­do pos­sí­veis san­ções econô­mi­cas à Rús­sia, país que se tor­nou te­ma cen­tral da dis­cus­são das relações in­ter­na­ci­o­nais dos EUA após a vi­tó­ria de Trump. Oba­ma afir­mou que o país ri­val “é um su­per­po­der mi­li­tar” com in­fluên­cia ao re­dor do mun­do. “É do nos­so in­te­res­se tra­ba­lhar com a Rús­sia pa­ra re­sol­ver­mos di­ver­sos gran­des pro­ble­mas”, dis­se. O pre­si­den­te ame­ri­ca­no e a chan­ce­ler se reu­ni­ram na úl­ti­ma vi­a­gem in­ter­na­ci­o­nal de Oba­ma, pa­ra es­trei­tar seus la­ços e dis­cu­tir relações en­tre EUA e União Eu­ro­peia. Oba­ma dis­se a re­pór­te­res que Mer­kel foi uma “par­cei­ra ex­tra­or­di­ná­ria” nos úl­ti­mos anos e que, ca­so fos­se ale­mão, apoi­a­ria a chan­ce­ler. Es­te­ve em pau­ta du­ran­te sua reu­nião, além da Rús­sia, o com­ba­te à or­ga­ni­za­ção ter­ro­ris­ta Es­ta­do Is­lâ­mi­co e um acor­do de li­vre co­mér­cio. Eles de­vem se en­con­trar ho­je com a pre­miê bri­tâ­ni­ca, The­re­sa May, o pre­miê es­pa­nhol, Ma­ri­a­no Ra­joy, o pre­miê ita­li­a­no, Mat­teo Ren­zi, e tam­bém o pre­si­den­te fran­cês, Fran­çois Hol­lan­de. Trump já se mos­trou con­trá­rio a ações dos EUA na Eu­ro­pa, com des­ta­que em re­la­ção à OTAN.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.