Ca­mi­sa lis­tra­da?

Correio da Bahia - - Esporte - Das Agên­ci­as re­da­cao@cor­rei­o24ho­ras.com.br

O Mi­nis­té­rio Pú­bli­co es­pa­nhol pe­diu on­tem, em Ma­dri, a pri­são do ata­can­te bra­si­lei­ro Ney­mar por dois anos. O mo­ti­vo é a su­pos­ta ile­ga­li­da­de na trans­fe­rên­cia do atle­ta do San­tos pa­ra o Bar­ce­lo­na, em 2013. A de­ci­são tem co­mo ba­se uma quei­xa do fun­do de in­ves­ti­men­to DIS, ex-de­ten­tor de par­te dos di­rei­tos econô­mi­cos de Ney­mar, que rei­vin­di­ca per­cen­tu­al mai­or na tran­sa­ção do cra­que pa­ra a Es­pa­nha.

O MP es­pa­nhol ain­da quer que a fa­mí­lia de Ney­mar pa­gue multa de 10 mi­lhões de eu­ros (R$ 35,7 mi­lhões), além de pe­dir de­ten­ção por cin­co anos do ex-pre­si­den­te do Bar­ce­lo­na San­dro Ro­sell, que era o man­da­tá­rio do clu­be quan­do Ney­mar dei­xou o San­tos.

Tam­bém on­tem, a DIS apre­sen­tou sua pe­ça de acu­sa­ção à Jus­ti­ça na qual pe­de a pri­são de to­dos os en­vol­vi­dos, in­cluin­do Ney­mar, Ney­mar pai, o ex-pre­si­den­te do San­tos Odí­lio Ro­dri­gues e o ex-pre­si­den­te do Bar­ce­lo­na San­dro Ro­sell. A DIS ale­ga que a fa­mí­lia de Ney­mar agiu de for­ma cor­rup­ta e co­bra tam­bém in­de­ni­za­ção ao time es­pa­nhol.

“O Bar­ce­lo­na e o jo­ga­dor bur­la­ram as nor­mas da Fifa e al­te­ra­ram a li­vre com­pe­tên­cia no mer­ca­do de trans­fe­rên­ci­as. De­ve­mos nos per­gun­tar que ti­po de exem­plo é um es­por­tis­ta ca­paz de as­si­nar con­tra­tos si­mu­la­dos, train­do qu­em in­ves­tiu ne­le. São es­ses ti­pos de va­lo­res do Bar­ce­lo­na? O que pen­sam os pa­tro­ci­na­do­res do Bar­ce­lo­na e do jo­ga­dor? Não po­de­mos con­sen­tir que Ney­mar se­ja exem­plo pa­ra nos­sos fi­lhos”, dis­se o di­re­tor da DIS, Ro­ber­to Mo­re­no. Até on­tem, Ney­mar não ha­via se pro­nun­ci­a­do.

MP es­pa­nhol pe­de pri­são de Ney­mar por ile­ga­li­da­de na ven­da ao Bar­ça

Mi­nis­té­rio Pú­bli­co da Es­pa­nha pe­de dois anos de pri­são pa­ra Ney­mar

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.