Bai­a­nas de aca­ra­jé ce­le­bram dia com mis­sa e fes­ta

Correio da Bahia - - Bahia -

CO­ME­MO­RA­ÇÃO Há 20 anos, Lu­ci­ne­te Dan­tas Xa­vi­er, 50, viu sua vi­da mu­dar ao fi­car sem em­pre­go. Sem sa­ber o que fa­zer, re­sol­veu re­cor­rer ao ofí­cio que ti­nha apren­di­do no ter­rei­ro que fre­quen­ta­va: fa­zer aca­ra­jés. Des­de en­tão, não pa­rou mais e pas­sou a sus­ten­tar a fa­mí­lia com a ven­da dos bo­li­nhos. On­tem, ela le­vou a ne­ta Su­e­de, 4, e a fi­lha, Dai­a­ne, 28, pa­ra ce­le­brar o Dia da Bai­a­na de Aca­ra­jé, na Igre­ja do Ro­sá­rio dos Pre­tos, no Pe­lou­ri­nho. Após a mis­sa, que con­tou com o rit­mo dos ata­ba­ques da Ir­man­da­de do Ho­mens Pre­tos, as bai­a­nas saí­ram em cor­te­jo até a Pra­ça da Cruz Caí­da, on­de um al­mo­ço foi ser­vi­do. A pre­si­den­te da As­so­ci­a­ção das Bai­a­nas de Aca­ra­jé, Min­gau e Re­cep­ti­vo (Abam), Ri­ta San­tos, des­ta­cou a pre­sen­ça das bai­a­nas de ou­tras ci­da­des, co­mo Rio de Ja­nei­ro, Ca­ma­ça­ri e Lau­ro de Frei­tas, e re­a­fir­mou que es­sa é uma for­ma de re­for­çar a im­por­tân­cia do ofí­cio. “Ho­je é o dia da gen­te se re­en­con­trar, mas tam­bém de pe­dir res­pei­to pa­ra as bai­a­nas de aca­ra­jé, pa­ra aque­las que são de ver­da­de e não es­sas que vão ven­der de short e ca­mi­se­ta”, dis­se. “A gen­te dá du­ro o ano to­do. É me­re­ci­do que a gen­te te­nha um dia só pra gen­te”, afir­mou Lu­ci­ne­te.

As ho­me­na­ge­a­das can­tam e dan­çam ao som de ata­ba­ques na Igre­ja do Ro­sá­rio dos Pre­tos, no Pe­lou­ri­nho

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.