Mi­nis­tro do Irã es­tá es­pe­ran­ço­so pa­ra acor­do com Opep

Correio da Bahia - - Mundo -

PE­TRÓ­LEO O mi­nis­tro do Pe­tró­leo do Irã, Bi­jan Zan­ga­neh, dis­se que es­tá oti­mis­ta de que a Or­ga­ni­za­ção dos Paí­ses Ex­por­ta­do­res de Pe­tró­leo (Opep) pos­sa che­gar a um acor­do pa­ra um cor­te na pro­du­ção, mas afir­mou que só anun­ci­a­ria sua po­si­ção na reu­nião de qu­ar­ta-fei­ra (30). Na oca­sião, a Opep de­ve dis­cu­tir a pro­pos­ta de cor­te na pro­du­ção em cer­ca de 1,1 mi­lhão de bar­ris por dia. O ob­je­ti­vo é im­pul­si­o­nar os pre­ços e re­du­zir os es­to­ques. Na úl­ti­ma ter­ça-fei­ra, o Irã e o Ira­que ex­pres­sa­ram pre­o­cu­pa­ção com a es­ca­la das re­du­ções que se­ri­am exi­gi­das por par­te de­les. De­pois dis­so, a Ará­bia Sau­di­ta can­ce­lou sua par­ti­ci­pa­ção na reu­nião que vai dis­cu­tir cor­tes co­or­de­na­dos com a Rús­sia e ou­tros paí­ses fo­ra da Opep, ale­gan­do que o car­tel de­ve re­sol­ver su­as di­fe­ren­ças pri­mei­ro.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.