Con­ver­sa de pri­mei­ra

Correio da Bahia - - Esporte - Bru­no Queiroz bru­no.queiroz@re­de­bahia.com.br

As co­me­mo­ra­ções não pa­ram. De­pois da fes­ta em Goi­â­nia e do trio elé­tri­co na che­ga­da da de­le­ga­ção, foi a vez de fun­ci­o­ná­ri­os e jo­ga­do­res do Bahia se reu­ni­rem tal­vez pe­la úl­ti­ma vez em 2016 pa­ra ce­le­bra­rem o aces­so à Série A, que já es­tá em pau­ta no clu­be. O elen­co al­mo­çou em uma chur­ras­ca­ria.

Gu­to Fer­rei­ra se­gui­rá co­mo téc­ni­co tri­co­lor, já que o seu con­tra­to pre­via uma re­no­va­ção au­to­má­ti­ca em ca­so de aces­so. Com a co­mis­são téc­ni­ca de­fi­ni­da, a par­tir de ago­ra a di­re­to­ria vai tra­ba­lhar no pla­ne­ja­men­to e re­for­mu­la­ção do elen­co pa­ra 2017.

“É um ou­tro mo­men­to. Di­ga­mos que va­mos ter mais es­pa­ço, só que ao mes­mo tem­po con­cor­ren­do com o mer­ca­do. Quan­to mais ágeis, mais as­tu­tos, mais vi­são de mer­ca­do ti­ver­mos, quan­to mais ha­bi­li­da­de e in­fluên­cia, mais fá­cil de nos es­tru­tu­rar­mos”, ana­li­sa Gu­to, que quer co­me­çar o ano com a ba­se dei­xa­da em 2016.

Ho­je pe­la ma­nhã, an­tes do téc­ni­co en­trar de fé­ri­as, ha­ve­rá uma reu­nião com a di­re­to­ria pa­ra dis­cu­tir os planos pa­ra 2017. “Va­mos re­for­çar o elen­co ain­da mais. To­do mun­do fe­liz com es­se aces­so. Foi su­a­do, so­fri­do, mas veio. Is­so só au­men­ta nos­sas res­pon­sa­bi­li­da­des e de­sa­fi­os e te­mos que ter um ti­me ain­da mais for­te pa­ra o ano que vem”, diz o vice-pre­si­den­te Pe­dro Hen­ri­ques.

O di­ri­gen­te ad­mi­te já es­tar tra­ba­lhan­do com al­guns no­mes pa­ra re­for­çar a equi­pe, mas que aguar­da­va a con­fir­ma­ção do aces­so pa­ra dar pros­se­gui­men­to às ne­go­ci­a­ções. “O mer­ca­do já es­tá ma­pe­a­do, com al­gu­mas op­ções. Só que a gen­te ti­nha que ter cui­da­do e res­pon­sa­bi­li­da­de por con­ta da con­fir­ma­ção do aces­so, até pe­lo im­pac­to mui­to gran­de que tem na nos­sa re­cei­ta e no per­fil do elen­co”, ex­pli­ca.

Fa­zer uma cam­pa­nha dig­na na Série A é pos­sí­vel e Gu­to ex­pli­ca co­mo. “O gran­de de­ta­lhe é que você tem que fa­zer bem fei­to. E se fi­zer me­lhor do que ou­tros que es­tão lá e su­bi­ram jun­to com você, a ten­dên­cia é fa­zer cam­pa­nha me­lhor e per­ma­ne­cer, que é o pri­mei­ro ob­je­ti­vo. E de­pois, ló­gi­co, uma equi­pe co­mo o Bahia se adap­tar lo­go na com­pe­ti­ção e ter uma cam­pa­nha tran­qui­la pra po­der as­pi­rar de re­pen­te uma coisa a mais”.

Man­ti­do no car­go, Gu­to se reú­ne ho­je com di­re­to­ria pa­ra fa­lar de 2017

Blan­co, Tiago e ou­tros do elen­co con­fra­ter­ni­zam

em chur­ras­ca­ria

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.