Ban­co Cen­tral re­duz ta­xa bá­si­ca de ju­ros pa­ra 13,75% ao ano

Correio da Bahia - - Economia -

SE­LIC O Co­mi­tê de Po­lí­ti­ca Mo­ne­tá­ria (Co­pom) do Ban­co Cen­tral (BC) anun­ci­ou on­tem uma no­va re­du­ção dos ju­ros bá­si­cos da eco­no­mia (Se­lic), de 0,25% pon­to per­cen­tu­al. A ta­xa, que es­ta­va em 14% ao ano, caiu pa­ra 13,75% ao ano. A de­ci­são foi unâ­ni­me en­tre os mem­bros do co­mi­tê. No mês pas­sa­do, o co­mi­tê tam­bém re­du­ziu a Se­lic em 0,25 pon­to per­cen­tu­al. Foi a pri­mei­ra que­da em qua­tro anos. De acor­do com co­mu­ni­ca­do di­vul­ga­do pe­lo BC após a reu­nião, “a in­fla­ção re­cen­te mos­trou-se mais fa­vo­rá­vel que o es­pe­ra­do, em par­te em de­cor­rên­cia de que­das de pre­ços de ali­men­tos, mas tam­bém com si­nais de de­sin­fla­ção mais di­fun­di­da”. O Co­pom des­ta­cou ain­da, en­tre ou­tros fa­to­res, que as pro­je­ções pa­ra a in­fla­ção de 2016, nos ce­ná­ri­os de re­fe­rên­cia e de mer­ca­do, re­cu­a­ram e se en­con­tram em tor­no de

6,6%. As pro­je­ções pa­ra 2017, nos dois ce­ná­ri­os, si­tu­am-se em tor­no de 4,4% e 4,7%. Além dis­so, na vi­são do co­mi­tê, os pas­sos no pro­ces­so de apro­va­ção das re­for­mas fis­cais têm si­do po­si­ti­vos até o mo­men­to. A ta­xa Se­lic é o prin­ci­pal ins­tru­men­to usa­do pe­lo BC pa­ra con­tro­lar a in­fla­ção e é usa­da nas ne­go­ci­a­ções de tí­tu­los pú­bli­cos. Quan­do a ta­xa sobe, o ob­je­ti­vo é con­ter a de­man­da, e is­so ge­ra re­fle­xos nos pre­ços por­que os ju­ros mais al­tos en­ca­re­cem o cré­di­to e es­ti­mu­lam a pou­pan­ça. A re­du­ção tem ob­je­ti­vo con­trá­rio: ba­ra­te­ar o cré­di­to pa­ra aque­cer o con­su­mo e es­ti­mu­lar a eco­no­mia.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.