INSS: ad­vo­ga­dos te­rão pri­o­ri­da­de

Correio da Bahia - - Economia -

A Jus­ti­ça Fe­de­ral de­ci­diu, em ca­rá­ter li­mi­nar, aca­tar o pe­di­do da Or­dem dos Ad­vo­ga­dos do Bra­sil (OAB) pa­ra que os pro­fis­si­o­nais que re­pre­sen­tam se­gu­ra­dos nas agên­ci­as do INSS te­nham pri­o­ri­da­de no aten­di­men­to. Os ad­vo­ga­dos po­de­rão, por exem­plo, ser aten­di­dos sem agen­da­men­to pré­vio e in­de­pen­den­te de dis­tri­bui­ção de se­nhas. Além dis­so, a li­mi­nar ga­ran­te o di­rei­to de pro­to­co­lar mais de um pe­di­do de be­ne­fí­cio por aten­di­men­to. A de­ci­são de­ve ser apli­ca­da em até 30 di­as, a con­tar da in­ti­ma­ção do ór­gão, sob pe­na de mul­ta de R$ 50 mil/dia.

AVAN­ÇO

Sem dú­vi­da, é uma gran­de con­quis­ta no que se re­fe­re ao res­pei­to às prer­ro­ga­ti­vas da ad­vo­ca­cia. Mas a per­gun­ta que fi­ca é: por que o aten­di­men­to nas agên­ci­as da Pre­vi­dên­cia So­ci­al é tão bu­ro­crá­ti­co e de­mo­ra­do pa­ra to­dos os ci­da­dãos (em ge­ral)? Só pa­ra ci­tar um exem­plo, em mui­tas agên­ci­as do INSS em Sal­va­dor, não há agen­da­men­to an­tes do Car­na­val de 2018.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.