Sa­lão da Ade­mi: MRV vai oferecer des­con­to de R$ 8 mil em imó­veis

Correio da Bahia - - Brasil -

CASA PRÓ­PRIA A cons­tru­to­ra MRV, es­pe­ci­a­li­za­da em imó­veis econô­mi­cos, já está com a es­tra­té­gia pron­ta pa­ra par­ti­ci­par do dé­ci­mo Sa­lão Imo­bi­liá­rio da Ade­mi-BA, en­tre 24 e 29 de ou­tu­bro no Shop­ping da Bahia. Ao to­do, se­rão 700 uni­da­des co­lo­ca­das à ven­da, com des­con­tos que po­dem che­gar a R$ 8 mil e par­ce­la­men­to da poupança – par­te do va­lor paga di­re­ta­men­te à cons­tru­to­ra an­tes da li­be­ra­ção do fi­nan­ci­a­men­to ban­cá­rio – em até 48 me­ses. Os imó­veis te­rão pre­ços en­tre R$ 135 mil e R$ 200 mil. No sa­lão, a em­pre­sa vai ocu­par um es­tan­de de 24 m² (o do­bro do pa­drão) e em­pre­gar uma for­ça de ven­das com­pos­ta por 20 cor­re­to­res por tur­no. Den­tro do es­pa­ço tam­bém es­ta­rá à dis­po­si­ção dos con­su­mi­do­res um correspondente da Cai­xa Econô­mi­ca pa­ra fa­zer aná­li­se de cré­di­to e li­be­ra­ção do fi­nan­ci­a­men­to da casa pró­pria. As no­vi­da­des foram anun­ci­a­das pelo ges­tor exe­cu­ti­vo de ven­das pa­ra a Bahia da MRV En­ge­nha­ria, Luís Fe­li­pe Mon­tei­ro, que vi­si­tou ontem a Redação do COR­REIO. Os apar­ta­men­tos à ven­da estão lo­ca­li­za­dos em seis em­pre­en­di­men­tos. Des­ses, dois estão pron­tos pa­ra mo­rar: Sun Cas­tle, em Ca­ma­ça­ri, e Spa­zio Sal­va­dor Nor­te, em Lau­ro de Freitas. O So­lar das Pal­mei­ras, em Ca­ma­ça­ri, e o So­lar do Bos­que, Lau­ro de Freitas, se en­con­tram em fa­se final de construção. Cos­ta das Ba­lei­as e So­lar dos Co­quei­ros, am­bos em Ca­ma­ça­ri, são lan­ça­men­tos (na plan­ta).

“Os pre­ços das uni­da­des vão va­ri­ar de R$ 135 mil a R$ 200 mil. E a pro­mo­ção in­clui, ain­da, a de­pen­der do imó­vel, ofer­tas pon­tu­ais co­mo pi­so e ITIV grá­tis”, des­ta­cou o exe­cu­ti­vo. Ou­tra es­tra­té­gia da MRV pa­ra ga­ran­tir a ven­da é exi­gir ape­nas 0,75% do va­lor do imó­vel co­mo si­nal à vis­ta. As ofer­tas agres­si­vas e o fo­co em imó­veis populares pre­pa­ra­dos pa­ra o fei­rão são as mes­mas ar­mas com que a MRV tem en­fren­ta­do a cri­se econô­mi­ca. A opção da em­pre­sa, se­gun­do Mon­tei­ro, foi a de não “ti­rar o pé do ace­le­ra­dor”. A cons­tru­to­ra pro­cu­ra agre­gar va­lor em seus pro­du­tos e se pre­o­cu­pa com as áre­as vi­zi­nhas aos seus em­pre­en­di­men­tos, fa­zen­do in­ter­ven­ções ur­ba­nas co­mo pa­vi­men­ta­ção, ilu­mi­na­ção e construção de ba­ses pa­ra a Po­lí­cia Mi­li­tar. “Nos­so pú­bli­co-al­vo é for­ma­do por jo­vens que bus­cam seu pri­mei­ro apar­ta­men­to ou sair do alu­guel. Pa­ra eles, mu­dar pa­ra um imó­vel da MRV re­pre­sen­ta uma as­cen­são so­ci­al”, co­men­tou.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.