Gru­pos Fa­tah e Ha­mas fa­zem acor­do de re­con­ci­li­a­ção

Correio da Bahia - - Mundo -

CAIROUm his­tó­ri­co acor­do de re­con­ci­li­a­ção en­tre o par­ti­do Fa­tah e o gru­po is­lâ­mi­co Ha­mas – fer­re­nhos ri­vais po­lí­ti­cos– foi fir­ma­do on­tem no Cai­ro, Egi­to, e po­de co­lo­car um pon­to fi­nal em uma dé­ca­da de ri­va­li­da­de, vi­o­lên­cia e di­vi­são in­ter­na na po­lí­ti­ca pa­les­ti­na, que, pa­ra mui­tos, mi­na­ram as chan­ces de ne­go­ci­a­ções de paz com Israel e aju­da­ram a em­po­bre­cer a fai­xa de Ga­za. Os de­ta­lhes es­tão sen­do di­vul­ga­dos aos pou­cos. Um de­les dá con­ta de que, até 1º de no­vem­bro, o Ha­mas trans­fe­ri­rá o con­tro­le de todos os pos­tos de fron­tei­ra de Ga­za ao no­vo go­ver­no de união na­ci­o­nal pa­les­ti­no e que a Guar­da Na­ci­o­nal do pre­si­den­te da Au­to­ri­da­de Pa­les­ti­na, Mah­moud Ab­bas, se­rá des­lo­ca­da pa­ra su­per­vi­si­o­nar es­ses pos­tos. Também se­gun­do as pri­mei­ras in­for­ma­ções, até 1º de dezembro o con­tro­le ad­mi­nis­tra­ti­vo de Ga­za se­rá en­tre­gue ao um no­vo go­ver­no de união na­ci­o­nal. Mui­tos pon­tos, po­rém, ain­da es­tão em aber­to, co­mo, por exem­plo, o sta­tus do bra­ço ar­ma­do do Ha­mas, com seus 25 mil com­ba­ten­tes, e o fu­tu­ro dos 50 mil ser­vi­do­res pú­bli­cos que fo­ram em­pre­ga­dos pelo Ha­mas des­de 2007.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.