Ser­vi­do­res do INSS en­vol­vi­dos em des­vi­os de R$ 500 mil

Correio da Bahia - - Bahia -

OPE­RA­ÇÃO DA PF Pe­lo me­nos dois téc­ni­cos do Ins­ti­tu­to Na­ci­o­nal do Seguro So­ci­al (INSS) es­tão en­vol­vi­dos em um es­que­ma de frau­de que des­vi­ou cer­ca de R$ 500 mil da Pre­vi­dên­cia So­ci­al em Sal­va­dor, se­gun­do a Po­lí­cia Fe­de­ral (PF). O ór­gão cum­priu on­tem, du­ran­te a Ope­ra­ção Con­tra­fei­to, no­ve man­da­dos de bus­ca e apre­en­são na ca­pi­tal. Nin­guém foi pre­so. Do­cu­men­tos fal­sos, ca­rim­bos de mé­di­cos e gui­as de pre­vi­dên­cia fo­ram apre­en­di­dos. De acor­do com a PF, as in­ves­ti­ga­ções co­me­ça­ram em 2012, quan­do uma pes­soa foi pre­sa em fla­gran­te ten­tan­do dar en­tra­da em um be­ne­fí­cio na agên­cia do INSS do Co­mér­cio. O co­or­de­na­dor da ope­ra­ção, de­le­ga­do Le­o­nar­do Al­mei­da Rodrigues, dis­se que a par­tir des­ta pri­são foi que a po­lí­cia che­gou a um gru­po de es­te­li­o­na­tá­ri­os es­pe­ci­a­li­za­dos em frau­dar do­cu­men­tos pa­ra con­se­guir be­ne­fí­ci­os de au­xí­lio-do­en­ça e apo­sen­ta­do­ria por in­va­li­dez. Além dos ser­vi­do­res do INSS, se­gun­do a PF, cin­co ali­ci­a­do­res e dois be­ne­fi­ciá­ri­os es­tão di­re­ta­men­te li­ga­dos ao es­que­ma. Não há in­dí­ci­os de en­vol­vi­men­to de mé­di­cos peritos nas frau­des. Ain­da con­for­me o de­le­ga­do da PF, a Pre­vi­dên­cia So­ci­al sus­pei­ta que exis­tem cer­ca de 60 be­ne­fí­ci­os frau­du­len­tos em Sal­va­dor, mas que só o INSS po­de es­ti­mar, exa­ta­men­te, o pre­juí­zo to­tal des­sas frau­des. Pro­cu­ra­do pe­lo COR­REIO, o INSS não co­men­tou o as­sun­to.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.