Pre­fei­tu­ra, Ine­ma e De­fe­sa Ci­vil mo­ni­to­ram si­tu­a­ção

Correio da Bahia - - Mais - THAIS BORGES

Ao sa­ber do sur­gi­men­to da cra­te­ra, a pre­fei­tu­ra de Vera Cruz aci­o­nou o Ins­ti­tu­to do Meio Am­bi­en­te e Re­cur­sos Hí­dri­cos (Ine­ma). A ad­mi­nis­tra­ção so­li­ci­tou que a

Dow iso­las­se a área.

“A Dow iso­lou até 20 me­tros de­pois da área, pa­ra evi­tar que cu­ri­o­sos vão até o lo­cal. For­ma­mos uma equi­pe mul­ti­dis­ci­pli­nar, com ge­o­fí­si­cos e en­ge­nhei­ros am­bi­en­tais”, afir­mou o pre­fei­to, Marcus Vi­ní­cius (PMDB).

Ago­ra, a pre­fei­tu­ra aguar­da o re­sul­ta­do de es­tu­dos – in­clu­si­ve es­tu­do de rocha – pa­ra iden­ti­fi­car se a cra­te­ra sur­giu de for­ma na­tu­ral ou se foi cau­sa­da por al­gu­ma per­fu­ra­ção. Não há pra­zo pa­ra a con­clu­são do es­tu­do.

O Ine­ma in­for­mou que uma equi­pe téc­ni­ca de fis­ca­li­za­ção de emer­gên­cia do ór­gão es­te­ve no po­vo­a­do na úl­ti­ma quin­ta-fei­ra. Ago­ra, a equi­pe ela­bo­ra um re­la­tó­rio que de­ve iden­ti­fi­car as causas do apa­re­ci­men­to do bu­ra­co. Não há pre­vi­são pa­ra o re­la­tó­rio fi­car pron­to.

A Se­cre­ta­ria da Ca­sa Ci­vil do es­ta­do in­for­mou que a De­fe­sa Ci­vil tam­bém acom­pa­nha a si­tu­a­ção, jun­to aos ór­gãos am­bi­en­tais. O CORREIO en­trou em con­ta­to com a Agência Na­ci­o­nal de Mi­ne­ra­ção, res­pon­sá­vel pe­lo li­cen­ci­a­men­to na re­gião, se­gun­do a pre­fei­tu­ra, mas não hou­ve res­pos­ta até o fe­cha­men­to des­ta edi­ção.

Mar­co Bo­te­lho foi cha­ma­do pa­ra pes­qui­sar

Dow Quí­mi­ca tem di­rei­to de ex­plo­ra­ção de água de sal­mou­ra no lo­cal

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.