Cou­ro sem fron­tei­ra

Dinheiro Rural - - PORTEIRA ABERTA -

A Câ­ma­ra de Co­mér­cio Ex­te­ri­or (Ca­mex), ór­gão in­te­gran­te do con­se­lho de go­ver­no, apro­vou a re­ti­ra­da de alí­quo­tas da or­dem de 9% apli­ca­das so­bre a ex­por­ta­ção de cou­ro. Pa­ra os pro­du­tos wet blue, ela vi­go­ra há 18 anos e pa­ra o cou­ro sal­ga­do, há 26 anos. A me­di­da vi­sa­va a pro­te­ção dos cur­tu­mes na­ci­o­nais, mas, de acor­do com o mi­nis­té­rio da Agri­cul­tu­ra, o im­pos­to era dis­tor­ci­vo. Ago­ra, o pla­no é tra­çar uma es­tra­té­gia de de­sen­vol­vi­men­to pa­ra to­da a ca­deia do cou­ro. O pe­di­do da re­ti­ra­da da alí­quo­ta era uma de­man­da da As­so­ci­a­ção Bra­si­lei­ra de Fri­go­rí­fi­co (Abra­fri­go) re­fe­ren­da­da pe­la So­ci­e­da­de Ru­ral Bra­si­lei­ra, pe­la Con­fe­de­ra­ção Na­ci­o­nal de Agri­cul­tu­ra e pe­la As­so­ci­a­ção Bra­si­lei­ra de Cri­a­do­res. No ano pas­sa­do, o País ex­por­tou 17,8 mil to­ne­la­das de cou­ro bo­vi­no, por US$ 337,5 mi­lhões.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.