Es­ta­do tem se­te pon­tos de ven­das de gás na­tu­ral

Folha de Londrina Domingo - - CARRO & CIA -

A ge­ren­te de Mar­ke­ting da Com­pa­gas, Pa­tri­cia Al­ber­ti, des­ta­ca que, no Pa­ra­ná, os mo­to­ris­tas têm ain­da o des­con­to no IPVA. Para os car­ros mo­vi­dos a gás na­tu­ral o cus­to do im­pos­to é de 1% so­bre o va­lor do veí­cu­lo, pe­ran­te os 3,5% do va­lor so­bre os veí­cu­los mo­vi­dos a ga­so­li­na e/ou ál­co­ol. “O pre­ço da ins­ta­la­ção do kit GNV va­ria de R$ 3 mil a R$ 4 mil e para qu­em ro­da cer­ca de 4 mil quilô­me­tros no mês, por exem­plo, o tem­po de re­tor­no do in­ves­ti­men­to é, em mé­dia, de cin­co me­ses”, afir­ma a ge­ren­te, ci­tan­do o cres­ci­men­to do nú­me­ro de veí­cu­los con­ver­ti­dos para o gás na­tu­ral no Es­ta­do. Se­gun­do ela, fo­ram re­a­li­za­das 24 con­ver­sões de veí­cu­los para o GNV nos pri­mei­ros três me­ses de 2015 e no mes­mo pe­río­do de 2016 já são 73, o que re­pre­sen­ta um au­men­to de mais de 200%. No si­te da Com­pa­gas é pos­sí­vel aces­sar para con­fe­rir as van­ta­gens do com­bus­tí­vel (http:// www.com­pa­gas.com.br/in­dex.php/si­mu­la­dor-de-eco­no­mia-gnv).

A Com­pa­gas, con­ta atu­al­men­te com 37 pos­tos re­ven­de­do­res de GNV nas ci­da­des de Cu­ri­ti­ba, Cam­po Lar­go, Co­lom­bo, Pa­ra­na­guá, Pi­nhais, Pon­ta Gros­sa e São Jo­sé dos Pi­nhais. São mais de 33,7 mil veí­cu­los que já uti­li­zam o gás na­tu­ral no Es­ta­do e 16 ofi­ci­nas cre­den­ci­a­das pe­lo Ins­ti­tu­to Na­ci­o­nal de Me­tro­lo­gia, Qua­li­da­de eTec­no­lo­gia (In­me­tro) para efe­tu­ar a con­ver­são.

Em Lon­dri­na, ape­nas um pos­to for­ne­ce gás na­tu­ral vei­cu­lar, o Gas­te­ch, que fi­ca na Zo­na Nor­te da ci­da­de. Se­gun­do o ge­ren­te co­mer­ci­al do es­ta­be­le­ci­men­to, Ama­deu Mo­rei­ra Ber­ni­ni, “no úl- ti­mo ano, o mer­ca­do fi­cou es­tá­vel. Já no iní­cio des­te ano, em fun­ção da al­ta nos com­bus­tí­veis, hou­ve um au­men­to na pro­cu­ra do GNV na ci­da­de”, ava­lia.

Se­gun­do Ber­ni­ni, o pos­to, que tam­bém fun­ci­o­na co­mo con­ver­te­do­ra, aten­de des­de em­pre­sas a pes­so­as fí­si­cas, sem per­fil es­pe­cí­fi­co. “Tam­bém aten­de­mos vans com a tec­no­lo­gia Ita­li­a­na DDF (Di­e­sel Du­al Fu­el), que man­tém as ca­rac­te­rís­ti­cas de um mo­tor di­e­sel, é 100% re­ver­sí­vel, e se tor­na mais econô­mi­co em re­la­ção ao di­e­sel, além­de­pro­mo­ve­rum­ga­nho de au­to­no­mia ex­tra e ser eco­lo­gi­ca­men­te cor­re­to”, diz o ge­ren­te. Ele ci­ta que em bre­ve a em­pre­sa vai efe­tu­ar o ser­vi­ço de re­tes­te de ci­lin­dros, que ain­da não é fei­to em Lon­dri­na, além de aten­der o seg­men­to in­dus­tri­al. (M.G.)

São mais de 33,7 mil veí­cu­los que já uti­li­zam o gás na­tu­ral no Es­ta­do

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.