Folha De S.Paulo - - Esporte - LUIZ COSENZO

DE SÃO PAU­LO

Aos 32 anos, o meia-ata­can­te Di­e­go Sou­za vol­tou a so­nhar em dis­pu­tar uma Co­pa do Mun­do de­pois de o téc­ni­co Ti­te con­vo­cá-lo pa­ra os dois pró­xi­mos jo­gos da se­le­ção brasileira pe­las eli­mi­na­tó­ri­as sul-ame­ri­ca­nas do Mun­di­al da Rús­sia-2018.

O jo­ga­dor do Sport vi­a­jou a São Pau­lo nes­te do­min­go (19) pa­ra se apre­sen­tar à se­le­ção e ini­ci­ar os trei­nos pa­ra os du­e­los contra o Uru­guai, no pró­xi­mo dia 23, em Mon­te­vi­déu, e di­an­te do Pa­ra­guai, no dia 28, no Ita­que­rão.

“Sem­pre so­nhei em dis­pu­tar uma Co­pa do Mun­do, mas via es­sa pos­si­bi­li­da­de dis­tan­te, já que nun­ca ti­ve mui­tas opor­tu­ni­da­des. Ago­ra, o so­nho re­a­cen­deu e es­pe­ro apro­vei­tar es­sa chan­ce pa­ra ca­var meu es­pa­ço”, dis­se Di­e­go Sou­za em en­tre­vis­ta à Folha.

Ele não era cha­ma­do pa­ra uma par­ti­da em que não hou­ves­se li­mi­ta­ção pa­ra con­vo­ca­ção des­de ou­tu­bro de 2009, qu­an­do atra­ves­sa­va gran­de fa­se no Pal­mei­ras. O jo­ga­dor atu­ou na der­ro­ta pa­ra o Bo­lí­via por 2 a 1, pe­la pe­núl­ti­ma ro­da­da das eli­mi­na­tó­ri­as.

De­pois dis­so, foi lem­bra­do du­as ve­zes, mas só pa­ra par­ti­das que reu­ni­am ape­nas atle­tas que atu­am no Bra­sil.

“Que­ro apro­vei­tar da me­lhor ma­nei­ra pos­sí­vel, jo­gan­do ou não. Que­ro con­quis­tar meu es­pa­ço no dia a dia, nos trei­na­men­tos e no con­ví­vio com os ou­tros jo­ga­do­res.”

Ar­ti­lhei­ro do Bra­si­lei­ro de 2016, o meia-ata­can­te foi con­vo­ca­do pa­ra subs­ti­tuir Ga­bri­el Je­sus, que não foi cha­ma­do após fra­tu­rar o pé di­rei­to. Ele bri­ga­rá pe­la va­ga do go­le­a­dor da se­le­ção nas eli­mi­na­tó­ri­as com Ro­ber­to Fir­mi­no, do Li­ver­po­ol, que já fez par­te de ou­tras lis­tas.

Mes­mo não sen­do sua po­si­ção ori­gi­nal, ele ga­ran­te es­tar A se­le­ção vai con­tar com ape­nas 14 jo­ga­do­res no pri­mei­ro dia de pre­pa­ra­ção pa­ra o con­fron­to contra o Uru­guai. O pri­mei­ro trei­no da equi­pe se­rá no CT do Co­rinthi­ans, na tar­de des­ta se­gun­da-fei­ra (20). Prin­ci­pal jo­ga­dor da se­le­ção, Ney­mar só che­ga­rá em São Pau­lo na ter­ça (21), mes­mo dia do em­bar­que pa­ra a ca­pi­tal uru­guaia. O pri­mei­ro a se apre­sen­tar foi Marcelo, que che­gou na ma­nhã de do­min­go (19). pre­pa­ra­do. “É uma fun­ção em que te­nho li­ber­da­de. Sou o úl­ti­mo jo­ga­dor, cen­tro­a­van­te. Vou pro­cu­rar fa­zer o pivô pa­ra os com­pa­nhei­ros que vêm de trás, mas tam­bém apro­vei­tar, por­que te­nho cer­te­za que Ney­mar e os ou­tros te­rão mar­ca­ções es­pe­ci­ais.”

Após pas­sar por gran­des cen­tros do fu­te­bol bra­si­lei­ro, o jo­ga­dor diz vi­ver no fu­te­bol per­nam­bu­ca­no o me­lhor mo­men­to da sua car­rei­ra.

Cobiçado por vá­ri­as equi­pes bra­si­lei­ras, o meia sur­pre­en­deu qu­an­do tro­cou o Me­ta­list (UCR) pe­lo Sport, no fim de 2014. De­pois de qua­se dois anos no clu­be, se trans­fe­riu pa­ra o Flu­mi­nen­se, on­de fi­cou pou­co tem­po e re­tor­nou pa­ra a Ilha do Re­ti­ro.

“Sai do Sport, mas o Sport não ti­nha saí­do de mim. Eu já ti­nha mu­da­do meu es­ti­lo de vi­da. No Rio, era mui­ta cor­re­ria e eu não es­ta­va fe­liz. Foi uma es­co­lha de vi­da”, dis­se Di­e­go Sou­za, que ne­gou ter re­ce­bi­do pro­pos­tas ofi­ci­ais de ou­tras par­tes do país.

“Ho­je sou um jo­ga­dor mui­to mais ma­du­ro, e is­so é im­por­tan­te. Qu­an­do a ma­tu­ri­da­de che­ga, vo­cê sa­be es­co­lher me­lhor as jo­ga­das, a ho­ra de to­mar a de­ci­são mais cor­re­ta e as­su­mir a res­pon­sa­bi­li­da­de”, afir­mou.

Pe­dro Mar­tins/MoWA Press

Di­e­go Sou­za, jo­ga­dor do Sport, du­ran­te amis­to­so da se­le­ção IN­GLÊS

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.