Jus­ti­ça is­ra­e­len­se aper­ta cer­co a pre­miê

Ex-chefe de ga­bi­ne­te as­si­na acor­do de de­la­ção premiada que tem po­ten­ci­al ex­plo­si­vo pa­ra Binya­min Ne­tanyahu

Folha De S.Paulo - - Mundo - DA­NI­E­LA KRESCH

Pri­mei­ro-mi­nis­tro é al­vo de qua­tro gran­des in­ves­ti­ga­ções so­bre do­a­ções a cam­pa­nhas e con­tra­tos com em­pre­sas

Um obs­cu­ro con­fi­den­te de Binya­min Ne­tanyahu —que en­fren­ta in­ves­ti­ga­ções em ca­sos de corrupção, frau­de e quebra de con­fi­an­ça— po­de ser o pivô da que­da do pri­mei­ro-mi­nis­tro is­ra­e­len­se, no po­der des­de 2009.

O con­sul­tor po­lí­ti­co Ari Ha­row, ex-chefe de ga­bi­ne­te do pre­miê, assinou um acor­do de de­la­ção premiada com a pro­mo­to­ria pú­bli­ca is­ra­e­len­se pe­lo qu­al pro­me­te re­ve­lar os de­ta­lhes que Ne­tanyahu gostaria que per­ma­ne­ces­sem às es­cu­ras e que po­dem le­vá­lo até mes­mo pa­ra a ca­deia.

Se, até 4 de agos­to —dia da as­si­na­tu­ra do acor­do—, Ne­tanyahu pa­re­cia con­fi­an­te de que as in­ves­ti­ga­ções não da­ri­am em na­da “por­que não há na­da” (pa­la­vras de­le), o en­vol­vi­men­to de Ari Ha­row é um di­vi­sor de águas. Um in­di­ci­a­men­to pa­re­ce ser ape­nas ques­tão de tem­po.

Por lei, Ne­tanyahu não pre­ci­sa re­nun­ci­ar ca­so se­ja in­di­ci­a­do. Mas a pres­são pú­bli­ca e pre­ce­den­tes tal­vez o le­vem a is­so. Se­gun­do pes­qui­sa di­vul­ga­da na quin­ta-fei­ra (10), 69% dos en­tre­vis­ta­dos afir­ma­ram que o pre­miê de­ve dei­xar o car­go se for in­di­ci­a­do. E mais: 67% não acre­di­tam em sua ino­cên­cia.

Ari Ha­row co­nhe­ce in­ti­ma­men­te to­das as li­ga­ções de Ne­tanyahu com do­a­do­res. Ele foi res­pon­sá­vel pe­lo flu­xo de ver­bas do pre­miê e li­da­va pes­so­al­men­te com captação de re­cur­sos pa­ra seu par­ti­do, o con­ser­va­dor Li­kud. A pe­di­do de Ne­tanyahu, Ha­row tam­bém gra­va­va li­ga­ções ou en­con­tros im­por­tan­tes do pri­mei­ro-mi­nis­tro.

Ha­row já tes­te­mu­nhou con­tra Ne­tanyahu nos cha­ma­dos “Ca­so 1.000” e “Ca­so 2.000”, que in­ves­ti­gam a sus­pei­ta de que Ne­tanyahu e sua mu­lher, Sara, re­ce­be­ram cen­te­nas de mi­lha­res de dó­la­res em cha­ru­tos, be­bi­das al­coó­li­cas e joi­as de bi­li­o­ná­ri­os. Ele te­ria ain­da negociado tro­ca

Zol­tan Mathe - 19.jul.17/MTI/As­so­ci­a­ted Press

O pre­miê is­ra­e­len­se, Binya­min Ne­tanyahu, vi­si­ta si­na­go­ga na Hun­gria; ele é al­vo de 4 in­ves­ti­ga­ções so­bre corrupção

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.