Três mo­ra­do­res de rua são mor­tos a ti­ros em pos­to em SP

Folha De S.Paulo - - Cotidiano - PHILLIPPE WATANABE MA­RI­A­NA ZYLBERKAN

Cha­ci­na ocor­reu qu­an­do ví­ti­mas dor­mi­am em es­ta­be­le­ci­men­to de­sa­ti­va­do na zo­na sul; de­le­ga­do diz des­car­tar ação de gru­po de ex­ter­mí­nio

Três mo­ra­do­res de rua fo­ram as­sas­si­na­dos a ti­ros na ma­nhã des­te sá­ba­do (12) na zo­na sul de São Pau­lo, após se­rem ata­ca­dos qu­an­do dor­mi­am no pátio de um pos­to de com­bus­tí­veis de­sa­ti­va­do.

A cha­ci­na ocor­reu na ave­ni­da Te­otô­nio Vi­le­la, pró­xi­mo ao au­tó­dro­mo de In­ter­la­gos.

Se­gun­do a po­lí­cia, dois ho­mens ba­le­a­dos mor­re­ram na ho­ra e uma ter­cei­ra ví­ti­ma, mu­lher, foi so­cor­ri­da e le­va­da ain­da com vi­da ao pron­to­so­cor­ro do Gra­jaú, on­de morreu de­pois de ser aten­di­da.

O pos­to cos­tu­ma ser abri­go de mo­ra­do­res de rua du­ran­te a noi­te há al­guns anos.

Dois mo­ra­do­res de rua que cos­tu­mam dor­mir por lá dis­se­ram à Fo­lha que as ví­ti­mas eram usuá­ri­as de dro­gas.

En­tre os mor­tos es­tão um ca­sal (um ho­mem de 33 anos e uma mu­lher de 40) e Claython Men­des dos Santos, 38, úni­co com iden­ti­da­de con­fir­ma­da pe­la po­lí­cia até a noi­te.

Fre­quen­ta­do­res do pos­to dis­se­ram que um dos ho­mens ti­nha ini­mi­za­des na área — su­pos­ta­men­te em ra­zão de fur­tos em co­mér­ci­os— e já ha­via si­do al­vo de seis ti­ros.

O lo­cal do cri­me, aban­do­na­do, con­tras­ta com os co­mér­ci­os de uma mo­vi­men­ta­da ave­ni­da. No pos­to, fun­ci­o­na ain­da um es­ta­ci­o­na­men­to im­pro­vi­sa­do —no iní­cio da tar­de des­te sá­ba­do, era pos­sí­vel en­con­trar uma pla­ca es­cri­ta à mão de “es­ta­ci­o­ne”. EX­TER­MÍ­NIO de ho­mi­cí­di­os) Pau­lo Bilynskyj dis­se que a ação de gru­pos de ex­ter­mí­nio es­tá des­car­ta­da. “Ha­via no­ve pes­so­as dor­min­do no lo­cal e ape­nas três fo­ram ba­le­a­das.”

A po­lí­cia ou­viu um dos mo­ra­do­res de rua que dor­mia no lo­cal, mas ele con­tou que acor­dou só com a che­ga­da dos po­li­ci­ais e não viu na­da.

As três ví­ti­mas fo­ram mor­tas fo­ra da lo­ja de con­ve­ni­ên­cia do pos­to. O ca­sal foi ba­le­a­do em um bar­ra­co no terreno do pos­to, e um ho­mem que dor­mia em um car­ro aban­do­na­do no mes­mo lo­cal le­vou um ti­ro na ca­be­ça.

As ima­gens de uma câ­me­ra de se­gu­ran­ça que po­de­ri­am ser usa­das pa­ra en­con­trar os au­to­res do cri­me são con­si­de­ra­das “es­cu­ras” por Bilynskyj. O equi­pa­men­to per­ten­ce a uma igreja evan­gé­li­ca em fren­te ao pos­to.

Bruno Santos/ Folhapress

Pos­to de com­bus­tí­veis de­sa­ti­va­do on­de mo­ra­do­res de rua fo­ram ata­ca­dos a ti­ros em SP

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.