SP OCI­O­SA

Folha De S.Paulo - - Cotidiano - RAUL JUSTE LORES

De­pois de R$ 120 mi­lhões já gas­tos, não há es­ti­ma­ti­va de pra­zo pa­ra se re­to­mar a obra do Cen­tro de Con­ven­ções da USP. Pa­ra ter­mi­nar a cons­tru­ção, pa­ra­da no iní­cio de 2014, se­ri­am ne­ces­sá­ri­os ou­tros R$ 60 mi­lhões.

Ou­tra obra pa­ra­da des­de en­tão é a da Pra­ça dos Mu­seus, tam­bém no cam­pus da Ci­da­de Uni­ver­si­tá­ria, na zo­na oes­te de São Pau­lo. Fo­ram gas­tos com ela R$ 37,9 mi­lhões; em 2015, es­ti­ma­va-se que fal­ta­vam qua­se R$ 170 mi­lhões pa­ra con­cluí-la.

Tam­bém es­tá no lim­bo o pro­je­to da Re­si­dên­cia pa­ra Es­tu­dan­tes Es­tran­gei­ros, anun­ci­a­da em 2012, pa­ra ten­tar am­pli­ar a in­ter­na­ci­o­na­li­za­ção do alu­na­do —um dos pon­tos fra­cos da USP em qual­quer ranking in­ter­na­ci­o­nal. O pré­dio ce­di­do pe­la pre­fei­tu­ra no cen­tro da ci­da­de, que abri­ga­ria os alu­nos de fo­ra, foi in­va­di­do por in­te­gran­tes de mo­vi­men­tos de mo­ra­dia.

O Cen­tro de Con­ven­ções foi anun­ci­a­do co­mo uma ma­nei­ra de a uni­ver­si­da­de eco­no­mi­zar com o alu­guel de es­pa­ços fo­ra do cam­pus, pa­ra a re­a­li­za­ção de con­gres­sos e se­mi­ná­ri­os. Com 36 mil m², três au­di­tó­ri­os, com ca­pa­ci­da­des pa­ra 1.450, 620 e 218 lu­ga­res, mais uma sa­la de pro­je­ções, com 157 lu­ga­res, áre­as pa­ra res­tau­ran­tes e lan­cho­ne­tes, e três pa­vi­men­tos de ga­ra­gens, foi pro­je­ta­do em 2011 pe­lo ar­qui­te­to Pau­lo Bru­na.

Des­de que a obra foi pa­ra­li­sa­da, a uni­ver­si­da­de afir­ma que já abriu du­as li­ci­ta­ções pa­ra con­ce­der o es­pa­ço à ini­ci­a­ti­va privada, mas não sur­gi­ram in­te­res­sa­dos.

O contrato de con­ces­são in­cluía a con­clu­são da obra em, no má­xi­mo, 12 me­ses.

Os pro­je­tos vêm de um tem­po em que pa­re­cia so­brar di­nhei­ro e fal­tar pla­ne­ja­men­to à uni­ver­si­da­de.

“In­fe­liz­men­te não há ne­nhum ho­tel per­to da­li, o que com­pli­ca a re­a­li­za­ção de con­ven­ções, e os ope­ra­do­res pri­va­dos pe­dem mais es­pa­ços pa­ra áre­as ex­po­si­ti­vas, que não es­ta­vam pre­vis­tas”, diz o ar­qui­te­to Pau­lo Bru­na. “Mas se­ri­am coi­sa fá­ceis de se fa­zer ou se adap­tar, pa­ra que o cen­tro te­nha uso al­gum dia.”

Por en­quan­to, o pré­dio es­tá em­ba­la­do com lo­na pa­ra pro­te­gê-lo dos des­gas­tes após três anos de obra pa­ra­da.

A Pra­ça dos Mu­seus, que iria abri­gar as no­vas se­des dos mu­seus de Ar­que­o­lo­gia e Et­no­lo­gia e o de Zo­o­lo­gia, ga­nhou tam­bém, no fim do ano pas­sa­do, al­guns ser­vi­ços de con­ser­va­ção e ma­nu­ten­ção pa­ra pre­ser­var o con­cre­to e as es­tru­tu­ras me­tá­li­cas uti­li­za­das na obra.

“É um pri­mei­ro pas­so, pois sai­ria mui­to mais ca­ro ten­tar re­cu­pe­rar es­ses ma­te­ri­ais se não fo­rem pro­te­gi­dos”, diz a ar­qui­te­ta Re­na­ta Se­min, do es­cri­tó­rio Pi­ra­ti­nin­ga.

Os me­tais da fu­tu­ra pas­sa­re­la li­gan­do os mu­seus fo­ram pre­ser­va­dos —por en­quan­to, ape­nas um es­que­le­to. A es­tru­tu­ra do mu­seu de ar­que­o­lo­gia já es­tá em pé, en­quan­to o de zo­o­lo­gia mal che­gou no pri­mei­ro an­dar.

O pro­je­to foi en­co­men­da­do ao ar­qui­te­to Pau­lo Men­des da Rocha no iní­cio da dé­ca­da pas­sa­da, que o de­sen­vol­veu em par­ce­ria com o es­cri­tó­rio Pi­ra­ti­nin­ga.

A par­tir de 2010, na ges­tão do rei­tor João Gran­di­no Ro­das, foi re­to­ma­do. Com a de­te­ri­o­ra­ção das con­tas da USP, o su­ces­sor de Ro­das, o atu­al rei­tor, Marco Antonio Za­go, pa­ra­li­sou as obras.

As­sim co­mo os no­vos mu­seus ain­da no iní­cio da cons­tru­ção, o mu­seu do Ipi­ran­ga, que per­ten­ce à uni­ver­si­da­de, en­con­tra-se fe­cha­do.

A pre­vi­são é que só se­ja re­a­ber­to em 2022, qu­an­do se co­me­mo­ram os 200 anos da In­de­pen­dên­cia, ce­le­bra­da na­que­la área. Es­ti­ma-se que a re­for­ma ini­ci­a­da em 2013 do Mu­seu Pau­lis­ta, seu no­me ofi­ci­al, cus­te R$ 100 mi­lhões, qua­se cin­co ve­zes mais do que a pre­vi­são ori­gi­nal.

Nes­te ano, es­ti­ma-se que 97% do or­ça­men­to da uni­ver­si­da­de se­rá gas­to com a fo­lha de pa­ga­men­to dos mais de 20 mil fun­ci­o­ná­ri­os. O or­ça­men­to anu­al é de R$ 5 bi­lhões. Os re­pas­ses do governo do Es­ta­do pa­ra a USP pas­sa­ram de R$ 2,89 bi em 2009 pa­ra R$ 4,54 bi no ano pas­sa­do.

Fo­tos Edu­ar­do Knapp/Folhapress

Aces­so às obras do cen­tro de con­ven­ções da USP es­tá fe­cha­do des­de 2014; es­pa­ço, que pre­ci­sa­ria de mais R$ 60 mi­lhões pa­ra ser con­cluí­do, de­ve­ria ter 36 mil m² e três au­di­tó­ri­os

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.