A ca­mi­nho do Guin­ness

Folha De S.Paulo - - Opinião -

RIO DE JANEIRO - Se­gun­do as pes­qui­sas, 3% do po­vo bra­si­lei­ro con­si­de­ram bom ou óti­mo o go­ver­no Te­mer. Co­mo es­ses da­dos têm 15 dias e, de­pois dis­so, Mi­chel Te­mer já pi­sou em di­ver­sos to­ma­tes, é possível que o ín­di­ce te­nha se re­du­zi­do. A con­ti­nu­ar as­sim, o co­le­ti­vo de seus tor­ce­do­res, co­mo o de cer­tos clu­bes de fu­te­bol, não de­mo­ra­rá a ca­ber nu­ma Kom­bi. Ou cons­ta­rá de pes­so­as que, de tão pou­cas, ele co­nhe­ce­rá pelo no­me e a quem per­gun­ta­rá pe­la pa­troa. E não se­rá sur­pre­sa se Te­mer che­gar ao fim do man­da­to com ava­li­a­ção ne­ga­ti­va e, por isso, ver­be­te da pró­xi­ma edi­ção do Guin­ness.

En­quan­to o nú­me­ro de seus apoi­a­do­res ame­a­ça rom­per —pa­ra bai­xo— o pa­ta­mar do ze­ro, au­men­ta o vo­lu­me das acu­sa­ções con­tra ele. Juí­zes, in­ves­ti­ga­do­res e até ami­gos com quem, ain­da há pou­co, ele con­fra­ter­ni­za­va em ho­ras mor­tas o cha­mam, sem a me­nor ce­rimô­nia, de che­fe de or­ga­ni­za­ção cri­mi­no­sa. Co­mo Te­mer é pre­si­den­te da Re­pú­bli­ca e o car­go im­põe cer­ta li­tur­gia, o nor­mal se­ria que ele se ofen­des­se e le­vas­se seus ofen­so­res aos tri­bu­nais. Mas Te­mer não se ofen­de —emi­te uma ne­ga­ção pia, tí­bia, pro­to­co­lar, e sai as­so­bi­an­do no azul. O que ele me­nos quer pe­la fren­te é um tri­bu­nal, mes­mo pa­ra de­fen­der-se. Con­ten­ta-se até se o to­tal de seus ami­gos se re­du­zir ao mí­ni­mo de de­pu­ta­dos que o li­vrem das de­nún­ci­as nas ins­tân­ci­as da Câ­ma­ra.

Te­mer não se sen­te pre­si­den­te do Bra­sil. Isso lhe quer di­zer nada. O po­der es­tá em co­nhe­cer o preço de ca­da um no Con­gres­so e usar o Te­sou­ro se­gun­do in­te­res­ses bem de­fi­ni­dos. En­quan­to es­ti­ver sen­ta­do na ca­dei­ra e com a ca­ne­ta na mão, não lhe fal­ta­rá mu­ni­ção pa­ra ga­ran­tir o sta­tus quo.

O pro­ble­ma é co­mo se­rá no dia em que ele re­pas­sar a fai­xa, se­ja a quem for, e rein­gres­sar na at­mos­fe­ra co­mum a todos nós, que não go­za­mos de fo­ro pri­vi­le­gi­a­do.

Te­mer já po­dia ir se acon­se­lhan­do com Lu­la. CLAU­DIA COSTIN

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.