“Er­ra­mos”.

Folha De S.Paulo - - Opinião -

As ati­tu­des de Car­los Nuz­man e de Aé­cio Ne­ves fa­ce às de­nún­ci­as que en­fren­tam de­mons­tram a di­fe­ren­ça de prin­cí­pi­os das or­ga­ni­za­ções que pre­si­di­am. Nuz­man re­nun­ci­ou ao car­go de pre­si­den­te do COB, po­rém Aé­cio con­ti­nua na pre­si­dên­cia do PSDB —es­tá ape­nas li­cen­ci­a­do. Por um la­do, o COI de­mons­trou na úl­ti­ma se­ma­na, de for­ma cla­ra e inequí­vo­ca, seu des­con­for­to com a de­nún­cia de cor­rup­ção. Do outro, os tu­ca­nos con­ti­nu­am em ci­ma do mu­ro, le­ni­en­tes com seus mem­bros (“Pre­so, Nuz­man pe­de re­nún­cia do COB de­pois de 22 anos no po­der”, “Esporte”, 12/10).

RI­CHARD DUBOIS

O pro­ble­ma não são os po­lí­ti­cos, e sim o po­vo, que se sen­te in­jus­ti­ça­do por vi­ver num país cor­rup­to e la­drão, mas não se me­xe pa­ra nada. Ficar cho­ra­min­gan­do não re­sol­ve nem nun­ca re­sol­ve­rá nada.

Li em mais de uma oca­sião em textos da Fo­lha a afir­ma­ção de que os ca­tó­li­cos “ado­ram” os san­tos ou as imagens dos san­tos. Na edi­ção des­ta quinta (12), apa­re­ce no­va­men­te es­se la­men­tá­vel equí­vo­co, que não con­diz com a fé ca­tó­li­ca nem com a de­vo­ção ca­tó­li­ca aos san­tos ( “Apa­re­ci­da é pa­dro­ei­ra de um país ca­da vez me­nos de­vo­to a san­tos”, “Po­der”, 12/10). Es­cla­re­ço que os ca­tó­li­cos dis­tin­guem “ado­rar” a Deus de “ve­ne­rar” ou “hon­rar” os san­tos. So­men­te a Deus é de­vi­do o cul­to de ado­ra­ção. Os san­tos são “ve­ne­ra­dos”, ou “hon­ra­dos” e “lou­va­dos”. “Ve­ne­rar” é o con­cei­to apro­pri­a­do.

ODILO PE­DRO SCHERER, NO­TA DA RE­DA­ÇÃO -

Ci­ên­cia Cha­ma a aten­ção que a pre­mi­a­ção de Ga­bri­el Vic­to­ra (“Ci­en­tis­ta bra­si­lei­ro ga­nha ‘bol­sa pa­ra gê­ni­os’ de fun­da­ção dos Es­ta­dos Uni­dos”, “Ci­ên­cia”, 12/10) te­nha si­do no­ti­ci­a­da pelo jornal “The New York Ti­mes” e re­pro­du­zi­da pe­la Fo­lha, sem uma co­ber­tu­ra di­re­ta por jor­na­lis­tas bra­si­lei­ros de tão im­por­tan­te fa­to. Res­ta em­ble­má­ti­ca a si­tu­a­ção: al­ta re­per­cus­são dos prê­mi­os No­bel na se­ma­na pas­sa­da e, quan­do um bra­si­lei­ro con­quis­ta um re­co­nhe­ci­men­to in­ter­na­ci­o­nal nas ci­ên­ci­as, a no­tí­cia é da­da por ter­cei­ros.

ADILSON RO­BER­TO GON­ÇAL­VES

USP

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.