Em­pre­sas di­zem co­la­bo­rar pa­ra evi­tar de­sin­for­ma­ções

Folha de S.Paulo - - Cotidiano - Os­car Vi­lhe­na Vi­ei­ra

O What­sApp in­for­mou que, “da­da a na­tu­re­za pri­va­da” da pla­ta­for­ma, tem fo­ca­do em “edu­car as pes­so­as so­bre de­sin­for­ma­ção” e na ca­pa­ci­ta­ção de usuá­ri­os com no­vas op­ções de con­tro­le no apli­ca­ti­vo —ca­so do mar­ca­dor que avi­sa aos usuá­ri­os quan­do uma men­sa­gem foi en­ca­mi­nha­da.

Já o Twit­ter diz que tra­ba­lha pa­ra “coi­bir ten­ta­ti­vas de ma­ni­pu­la­ção das con­ver­sas” na pla­ta­for­ma. “Uma das fren­tes pri­o­ri­tá­ri­as em que atu­a­mos é a lu­ta con­tra spam e con­tas au­to­ma­ti­za­das mal-in­ten­ci­o­na­das”.

O Fa­ce­bo­ok diz que lan­çou fer­ra­men­ta de ve­ri­fi­ca­ção de no­tí­ci­as de­nun­ci­a­das co­mo fal­sas em par­ce­ria com as or­ga­ni­za­ções de che­ca­gem Agên­cia Lu­pa, Aos Fa­tos e AFP.

O nú­me­ro pa­ra so­li­ci­tar che­ca­gem do Mi­nis­té­rio da Saúde via What­sApp é (61) 992894640. Vo­cê po­de re­pas­sar es­se tex­to pa­ra o mai­or nú­me­ro de pes­so­as pos­sí­vel. Ex­cep­ci­o­nal­men­te, o co­lu­nis­ta não es­cre­ve nes­ta edi­ção

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.