FIM DA PRI­MEI­RA FA­SE

GRANDES ÍDOLOS DA MÚSICA - ELVIS PRESLEY - EDIÇÃO DE COLECIONADOR - - PREOCUPAÇÃO -

El­vis com­ple­tou seu trei­na­men­to em se­tem­bro de 1958, mas sua pas­sa­gem pe­lo exér­ci­to não aca­bou ali. O pró­xi­mo des­ti­no: Ale­ma­nha, on­de os Es­ta­dos Uni­dos ain­da man­ti­nham um gru­po de sol­da­dos de­vi­do aos acor­dos fi­nais da Se­gun­da Gu­er­ra Mun­di­al.

De acor­do com o li­vro El­vis Word for Word, de Jer­ry Os­bor­ne, um pou­co an­tes de em­bar­car pa­ra a Ale­ma­nha, El­vis con­ce­deu uma con­fe­rên­cia de im­pren­sa em uma sa­la pri­va­da no Bro­o­klyn em No­va York. As per­gun­tas de vá­ri­as pes­so­as da mí­dia iam se mul­ti­pli­can­do. Res­pos­tas so­bre uma no­va fa­se, o que ele acha­va, co­mo se sen­tia e o que ele es­pe­ra­va eram aguar­da­das. A re­vis­ta Gran­des Ído­los da Mú­si­ca – El­vis Presley traz um tre­cho des­sa con­fe­rên­cia, mo­men­tos an­tes da no­va eta­pa do gran­de rei do rock.

El­vis, o que pen­sa de ir à a Ale­ma­nha?

El­vis: Bem, se­nhor, es­tou mais ou me­nos cu­ri­o­so e de­se­jo­so de ir.

Fa­la al­gum ale­mão? El­vis: Não, se­nho­ra, não fa­lo.

Tem pla­nos pa­ra apren­der um pou­co? El­vis: Pro­va­vel­men­te, te­rei mes­mo de apren­der, se qui­ser so­bre­vi­ver na Ale­ma­nha.

El­vis, o seu pai pla­ne­ja ir à a Ale­ma­nha com vo­cê?

El­vis: Sim, se­nho­ra, ele em­bar­ca, acho eu, no dia 26.

Vai mais al­guém com vo­cê?

El­vis: A mi­nha vó, Min­nie Mae, e um dos ra­pa­zes que cos­tu­ma­va tra­ba­lhar co­nos­co tam­bém vai.

Gos­ta da ideia de ir à Ale­ma­nha? Sei que não tem es­co­lha, mas…

El­vis: (Ri-se). Sim, se­nhor. Es­tou an­si­o­so. De fa­to, an­tes de vir pa­ra o exér­ci­to es­tá­va­mos pla­ne­jan­do uma tur­nê pe­la Eu­ro­pa. Nun­ca saí dos Es­ta­dos Uni­dos, ex­ce­to pa­ra ir até Ho­no­lu­lu. A mú­si­ca rock’ n’roll é mui­to im­por­tan­te na Eu­ro­pa.

Quan­tas car­tas de fãs vo­cê re­ce­be por dia pe­lo cor­reio?

El­vis: Bem, se­nhor, su­po­nho que re­ce­bo… pro­va­vel­men­te, umas 15 mil car­tas por se­ma­na. Es­pe­ra ter al­gu­ma opor­tu­ni­da­de de can­tar na Ale­ma­nha?

El­vis: Bem, se­nhor, não sei. Não sei mes­mo.

Es­pe­ra po­der fa­zê-lo?

El­vis: Na re­a­li­da­de, é uma de­ci­são bas­tan­te di­fí­cil. Até ago­ra, te­nho si­do ape­nas um sol­da­do. Por is­so, não sei exa­ta­men­te o que têm pla­ne­ja­do pa­ra mim.

Vo­cê se­rá li­be­ra­do no dia 24 de Mar­ço de 1960? El­vis: Sim, se­nhor.

Pas­sou por maus bo­ca­dos no pri­mei­ro dia de cam­po? E de­pois do pri­mei­ro dia? Que ti­po de co­men­tá­ri­os fa­zi­am os ou­tros sol­da­dos?

El­vis: Al­guns des­ses co­men­tá­ri­os não fi­ca­ri­am mes­mo na­da bem im­pres­sos, se­nhor.

El­vis, a mai­or par­te das pes­so­as têm uma can­ção que lhes é es­pe­ci­al. Tem al­gu­ma can­ção fa­vo­ri­ta? El­vis: A mi­nha can­ção fa­vo­ri­ta é uma in­ti­tu­la­da Pa­dre. Co­nhe­cem? Da To­ni Ar­den? E tam­bém gos­to de You’ll Ne­ver Walk Alo­ne, que sem­pre foi uma das mi­nhas pre­fe­ri­das.

El­vis, acha que ter si­do ca­de­te dos R.O.T.C. en­quan­to es­te­ve na es­co­la lhe ser­viu pa­ra al­gu­ma coi­sa no Exér­ci­to?

El­vis: Sim, se­nho­ra, cer­ta­men­te que sim. Sou­be lo­go dis­tin­guir a mi­nha per­na di­rei­ta da es­quer­da, sem quais­quer pro­ble­mas (ri-se).

El­vis, se o rock já ti­ver aca­ba­do qu­an­do sair da tropa, o que fa­rá?

El­vis: Mor­ro de fo­me, se­nhor (ri-se)… Pe­ço des­cul­pa.

O que é que acha que po­de fa­zer?

El­vis: Se a mú­si­ca rock’n’roll mor­rer – o que jul­go que não irá acon­te­cer – pro­va­vel­men­te, ten­ta­ria ou­tra coi­sa. Pro­va­vel­men­te, ten­ta­ria vi­rar-me com os fil­mes e ten­ta­ria ser um bom ator, o que é bas­tan­te di­fí­cil, pois há mui­ta con­cor­rên­cia.

El­vis, tem al­gu­ma coi­sa que gos­ta­ria de di­zer aos seus mui­tos ad­mi­ra­do­res an­tes de ir? Al­gu­mas pa­la­vras de des­pe­di­da?

El­vis: Bem, se­nhor, te­nho. Gos­ta­ria de di­zer que vou ten­tar fa­zer o meu me­lhor pa­ra lan­çar os dis­cos e tu­do mais que gos­tam. Es­ta­rei an­si­o­so pa­ra re­gres­sar e vol­tar a tra­ba­lhar e can­tar pa­ra eles.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.