John

GRANDES ÍDOLOS DA MÚSICA - The Beatles - - Pré-beatles -

John Wins­ton Len­non (Li­ver­po­ol, 9 de ou­tu­bro de 1940 – No­va Ior­que, 8 de de­zem­bro de 1980) era o fi­lho úni­co de Al­fred e Ju­lia. Em­bo­ra o ca­sal se co­nhe­ces­se há dez anos e ti­ves­se si­do ca­sa­do por dois, não era o ti­po que po­de ser cha­ma­do de exem­plar. Al­fred tra­ba­lha­va na ma­ri­nha mer­can­te e qua­se não via a fa­mí­lia, en­quan­to Ju­lia ti­nha um re­la­ci­o­na­men­to com ou­tro ho­mem, Bobby Dy­kins, com­por­ta­men­to con­si­de­ra­do imo­ral por sua fa­mí­lia. Di­an­te dis­so, Al­fred dei­xou seu fi­lho aos cui­da­dos de Mi­mi, ir­mã de Ju­lia.

Com cinco anos de ida­de, John te­ve que es­co­lher en­tre par­tir com seu pai “para a No­va Ze­lân­dia” (nin­guém sa­bia ao cer­to se ele re­al­men­te iria para lá) ou fi­car com a mãe em Li­ver­po­ol, sen­do que o ga­ro­to es­co­lheu a se­gun­da op­ção. No en­tan­to, foi Mi­mi quem aco­lheu o me­ni­no e cui­dou de­le jun­to de seu ma­ri­do, Ge­or­ge.

Se na in­fân­cia John era um bom alu­no na Do­ve­da­le Ro­ad Pri­mary Scho­ol, na ado­les­cên­cia, já es­tu­dan­te da Qu­ar­ry Bank Gram­mar Scho­ol, era um alu­no pro­ble­má­ti­co e com uma re­pu­ta­ção ruim. Aos 14 anos, com a mor­te de seu tio Ge­or­ge, seu com­por­ta­men­to pi­o­rou, e a re­la­ção com Mi­mi se tor­nou ain­da mais in­su­por­tá­vel. As­sim, John voltou a con­vi­ver com a mãe, e nes­se pe­río­do ela en­si­nou o fi­lho a to­car ban­jo.

Aos 18 anos, já com sua ban­da de skif­fle e alu­no da Li­ver­po­ol Col­le­a­ge of Art, John so­fre um enor­me ba­que com a mor­te re­pen­ti­na da mãe, atro­pe­la­da por um po­li­ci­al bê­ba­do. O fa­to aca­bou apro­xi­man­do Len­non de McCart­ney, já que Paul tam­bém ha­via per­di­do a mãe na ju­ven­tu­de, ví­ti­ma de cân­cer.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.