É a ou­tra?.............................................

Di­cas e ma­gi­as pa­ra vo­cê ser a úni­ca!

Guia Astral - - News -

É ho­ra de ba­ter um pa­po

Che­gue no ca­ra e abra o jo­go: fa­le que não es­tá fe­liz em ser a ou­tra e que não vai atu­rar is­so por mui­to mais tem­po. Dei­xe bem cla­ro que ele não po­de fi­car co­zi­nhan­do vo­cê em ba­nho-ma­ria e que pre­ci­sa es­co­lher com quem quer fi­car.

Dar um pra­zo pra ele se de­ci­dir e to­mar uma ati­tu­de é uma saí­da pra re­sol­ver tu­do de uma vez por to­das, mas só fa­ça is­so se es­ti­ver pre­pa­ra­da ca­so o ra­paz fi­que com a ofi­ci­al, ok?

Não dei­xe o ca­ra pas­sar vo­cê pra trás

O ca­ra veio com aque­le pa­pi­nho de que es­tá pen­san­do em acabar com o re­la­ci­o­na­men­to de­le pa­ra fi­car com vo­cê, mas que pre­ci­sa de um tem­po por­que a mu­lher é di­fí­cil e tal? Não se en­ga­ne: ele só es­tá que­ren­do en­ro­lar vo­cê! É cla­ro que a ofi­ci­al nem de­ve sa­ber que vo­cê exis­te – mui­to me­nos que es­tá ten­do um ca­so com o ho­mem de­la – e o ca­ra quer man­ter tu­do do jei­ti­nho que es­tá, sem cor­rer o ris­co de fi­car sem uma ou até sem as du­as.

Mos­tre o que ele es­tá per­den­do

Quer amar­rar seu amor pra va­ler? Fa­ça de tu­do pa­ra que ele sin­ta a sua fal­ta e per­ce­ba que vo­cê é a me­lhor op­ção pra ele. En­tão:

Es­ban­je ca­ri­nho e dê mui­ta aten­ção pra ele.

Na in­ti­mi­da­de, se­ja um fu­ra­cão e fa­ça o ca­ra sen­tir sua fal­ta.

Quan­do es­ti­ve­rem jun­tos, na­da de bri­gas ou fi­car fa­lan­do de pro­ble­mas.

Sim­pa­ti­as

Pra dei­xar de ser a ou­tra: co­lo­que uma mo­e­da den­tro de um co­po, jun­to com uma co­lher (so­pa) de mel e se­te go­tas do seu per­fu­me pre­fe­ri­do. Cu­bra o co­po com uma pe­nei­ri­nha e dei­xe no se­re­no por uma noi­te. La­ve a mo­e­da com um pou­co do per­fu­me que o ca­ra usa. Sem que ele ve­ja, guar­de-a na car­tei­ra de­le. Jo­gue a mis­tu­ra no li­xo. La­ve e use o co­po e a pe­nei­ra co­mo de cos­tu­me.

Ga­to seu e de mais nin­guém: num re­ci­pi­en­te, co­lo­que er­va-do­ce, amor-agar­ra­di­nho, cas­ca de ma­çã, ras­pas de noz-mos­ca­da, co­en­tro e pé­ta­las de pa­pou­la ver­me­lha. Acres­cen­te tal­co neu­tro e pas­se um pou­co des­sa mis­tu­ra em seus pul­sos, pe­din­do po­der e sen­su­a­li­da­de pa­ra con­se­guir ser a úni­ca no co­ra­ção do seu ama­do. Jo­gue as so­bras da sim­pa­tia no li­xo. La­ve o po­te e uti­li­ze-o co­mo de cos­tu­me.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.