Mo­der­ni­za­ção

Hotéis - - Contents -

Skye Res­tau­ran­te & Bar, do ho­tel Uni­que, pas­sa por re­tro­fit

Re­co­nhe­ci­do co­mo um dos prin­ci­pais res­tau­ran­tes e ba­res de São Pau­lo, o Skye, lo­ca­li­za­do no ho­tel Uni­que, pas­sou por re­tro­fit re­cen­te­men­te. “Ca­da mó­vel, pe­ça, pa­re­de e am­bi­en­te foi pen­sa­do e re­pen­sa­do pa­ra que as re­la­ções en­tre as pes­so­as em ca­da es­pa­ço acon­te­ces­sem com con­for­to, in­te­gra­ção e de­sign”, co­men­ta o ar­qui­te­to João Ar­men­ta­no que, jun­to com sua equi­pe, con­du­ziu es­se re­tro­fit. “A pro­pos­ta era mu­dar o vi­su­al sem per­der o con­cei­to, aper­fei­ço­ar e agre­gar no­vas tec­no­lo­gi­as de sis­te­mas e ma­te­ri­ais”, con­ta ele. To­dos os mo­bi­liá­ri­os e aces­só­ri­os fo­ram tro­ca­dos. Obras do ar­tis­ta Ga­bri­el Wick­bold com­põem o ce­ná­rio.

O bar e o res­tau­ran­te se­guem dis­tin­tos, ca­da um com seu res­pec­ti­vo cli­ma pre­ser­va­do, fi­si­ca­men­te se­pa­ra­dos pe­lo espelho d’água. O deck da pis­ci­na tam­bém pas­sou por mu­dan­ças. Um lon­go bal­cão, vin­do de den­tro pa­ra fo­ra do bar, aco­mo­da mais con­vi­da­dos. Os de­graus fo­ram subs­ti­tuí­dos por uma ram­pa de aces­so. Na es­ca­da que leva ao ves­tiá­rio da pis­ci­na, um tra­ba­lho artístico de en­tre­la­ce de cor­das na cor cin­za tem co­mo ob­je­ti­vo pre­ser­var a área, tam­bém usa­da co­mo back, sem per­der a vis­ta de ne­nhum ân­gu­lo.

O deck pri­va­ti­vo, lo­ca­li­za­do no la­do opos­to da pis­ci­na, é um am­bi­en­te re­ser­va­do e ide­al pa­ra pe­que­nos even­tos. O es­pa­ço ago­ra es­tá cli­ma­ti­za­do e ga­nha am­bi­en­ta­ção pró­pria, sen­do o des­ta­que a pa­re­de-mo­no­lí­ti­ca em pe­dra com ras­go mar­can­te ver­me­lho e ilu­mi­na­do, con­tra­pon­do o ei­xo or­to­go­nal do pró­prio ho­tel. Ou­tro de­ta­lhe é a pa­re­de de cor­das, um ema­ra­nha­do de li­nhas re­tas que dão mo­vi­men­to ao que é es­tá­ti­co.

In­ter­city Ho­tels re­for­mu­la con­cei­to de de­sign

Pen­san­do em um no­vo per­fil de hós­pe­de que, ca­da vez mais, bus­ca não só co­mo­di­da­de co­mo tam­bém am­bi­en­tes cus­to­mi­za­dos, a In­ter­city Ho­tels apre­sen­ta um no­vo con­cei­to de de­sign de in­te­ri­or, as­si­na­do pe­lo es­cri­tó­rio Me­li­na Ro­ma­no In­te­ri­o­res. Além de fun­ci­o­nais e con­tem­po­râ­ne­os, os pro­je­tos pa­ra os ho­téis In­ter­city Ci­da­de Bai­xa, In­ter­city Cu­ri­ti­ba, In­ter­city Por­to Ale­gre e In­ter­city Ibi­ra­pu­e­ra fo­ram ela­bo­ra­dos pa­ra pro­por­ci­o­nar con­for­to, e con­tam com de­co­ra­ção mo­der­na e aca­ba­men­tos ino­va­do­res.

Pa­ra os apar­ta­men­tos re­for­ma­dos dos ho­téis In­ter­city Por­to Ale­gre, na ca­pi­tal gaú­cha, e In­ter­city Ibi­ra­pu­e­ra, em São Pau­lo, a pro­pos­ta foi uti­li­zar co­res neu­tras na pin­tu­ra e no mo­bi­liá­rio, além de ex­plo­rar tons for­tes nos ob­je­tos de­co­ra­ti­vos - uma mis­tu­ra de quen­tes e ama­dei­ra­dos -, ga­ran­tin­do uma sen­sa­ção agra­dá­vel. En­tre os destaques, o pro­je­to de ar­má­ri­os aber­tos, sem por­tas e com su­por­tes, e a ilu­mi­na­ção, que tra­zem mo­der­ni­da­de e le­ve­za aos am­bi­en­tes.

A de­co­ra­ção ain­da traz ma­te­ri­ais co­mo ma­dei­ra, que aque­cem, e es­tru­tu­ras me­tá­li­cas, pa­ra um to­que in­dus­tri­al. Os quar­tos são di­fe­ren­tes en­tre si, com pa­re­des dis­tin­tas, e têm bons exem­plos de co­mo apro­vei­tar o es­pa­ço: o uso de aran­de­las ao la­do da ca­ma dei­xa es­pa­ço li­vre nas pe­que­nas me­sas de ca­be­cei­ra. Ou­tro tru­que é a cor­ti­na, que fi­ca “em­bu­ti­da” na pa­re­de.

No In­ter­city Ci­da­de Bai­xa, inau­gu­ra­do re­cen­te­men­te em Por­to Ale­gre, o no­vo layout tam­bém foi apli­ca­do no res­tau­ran­te do ho­tel. Se­guin­do uma pro­pos­ta in­dus­tri­al, fo­ram uti­li­za­das di­fe­ren­tes com­po­si­ções de ca­dei­ras, que per­mi­tem usu­fruir do es­pa­ço de for­ma des­con­traí­da ou atra­vés de uma re­fei­ção for­mal. O pon­to al­to do pro­je­to fi­ca com as du­as ilhas cen­trais, com­pos­tas por ilu­mi­na­ção e pai­sa­gis­mo di­fe­ren­ci­a­dos, com lus­tres pen­den­tes e ve­ge­ta­ção sus­pen­sa.

Já no In­ter­city Cu­ri­ti­ba, inau­gu­ra­do em 2017

na ca­pi­tal do Pa­ra­ná, des­ta­ca-se a área do lobby, ins­pi­ra­da nos lofts in­dus­tri­ais de No­va York, apre­sen­tan­do um de­sign mo­der­no, con­for­tá­vel e des­con­traí­do, por con­ta dos di­fe­ren­tes ti­pos de mo­bi­liá­rio e de­co­ra­ção.

Grand Ho­tel Rayon apre­sen­ta seu Lobby Bar

O Grand Ho­tel Rayon, em Cu­ri­ti­ba (PR) inau­gu­rou seu Lobby Bar. Ide­al pa­ra en­con­tros de ne­gó­ci­os e happy hours, o es­pa­ço con­ta com de­co­ra­ção as­si­na­da pe­lo ar­qui­te­to Edu­ar­do Mou­rão, am­pla car­ta de be­bi­das, além de um me­nu de pe­tis­cos as­si­na­do pe­lo chef Clau­de Be­zer­ra.

No car­dá­pio, são vá­ri­as as op­ções de snacks, co­mo Brus­que­tas (Brie com ge­leia de da­mas­co, Pre­sun­to de par­ma com fi­gos fres­cos ou Na­po­li­ta­na), Mi­ni-ham­búr­guer, Bo­li­nho de ba­ca­lhau, Ca­ma­rão Cro­can­te, Car­ne de on­ça e Tá­bua de fri­os e quei­jos. Já o bar ser­ve drin­ques clás­si­cos - Mo­ji­to, Blo­ody Mary, Kir Royal, Ma­nhat­tan, den­tre ou­tros - e uma va­ri­a­da car­ta de vi­nhos e des­ti­la­dos.

Di­a­ri­a­men­te, das 18h às 21h, o Lobby Bar con­ta com mú­si­ca acús­ti­ca ao vi­vo, ao som de MPB, jazz e clás­si­cos in­ter­na­ci­o­nais. “Pen­sa­mos em um es­pa­ço com uma at­mos­fe­ra mo­der­na e agra­dá­vel, on­de o pú­bli­co pos­sa apro­vei­tar bons mo­men­tos, dar uma pas­sa­da an­tes ou de­pois de um com­pro­mis­so, por exem­plo”, re­ve­la Fer­nan­da As­sis, Ge­ren­te de Ven­das e Mar­ke­ting do Rayon. O Lobby Bar fun­ci­o­na to­dos os di­as, das 15h às 23h, com va­let no lo­cal e é aber­to pa­ra hós­pe­des e pú­bli­co ge­ral.

Serhs Na­tal Grand Ho­tel es­tá in­ves­tin­do R$ 2,5 mi­lhões em mo­der­ni­za­ção

Até o fi­nal des­te ano es­ta­rá con­cluí­da a mo­der­ni­za­ção do Serhs Na­tal Grand Ho­tel, resort cin­co es­tre­las do gru­po ca­ta­lão Serhs, que es­tá in­ves­tin­do R$ 2,5 mi­lhões no pro­je­to. A mo­der­ni­za­ção in­clui am­pli­a­ção da área de con­ven­ções, subs­ti­tui­ção de equi­pa­men­tos e no­va de­co­ra­ção em vá­ri­as áre­as do em­pre­en­di­men­to, lo­ca­li­za­do na Via Cos­tei­ra, pró­xi­mo à praia de Pon­ta Ne­gra, a prin­ci­pal da ci­da­de. De acor­do com Wil­li­an Lass, Di­re­tor Ge­ral do resort, “os in­ves­ti­men­tos fo­ram fei­tos, mes­mo nes­se pe­río­do de cri­se econô­mi­ca, pa­ra man­ter o ho­tel mo­der­no,

e com al­to pa­drão de qua­li­da­de, vi­san­do a ga­ran­tir sem­pre o me­lhor aten­di­men­to aos nos­sos hós­pe­des”.

O em­pre­en­di­men­to ini­ci­ou o pro­ces­so de re­no­va­ção em mar­ço, com a am­pli­a­ção da área de con­ven­ções pa­ra im­plan­ta­ção de qua­tro no­vas sa­las. As­sim, ago­ra o es­pa­ço so­ma mais de 2 mil m2 com 13 sa­las que, jun­tas, po­dem aten­der até 1,3 mil pes­so­as.

Tro­ca de equi­pa­men­tos

Vá­ri­as áre­as do Serhs Na­tal Grand Ho­tel ti­ve­ram par­te de seus equi­pa­men­tos subs­ti­tuí­dos e tam­bém fo­ram re­de­co­ra­das. Uma de­las foi o Spa Kensho, on­de o mai­or con­for­to das sa­las de te­ra­pi­as foi o que le­vou à tro­ca dos equi­pa­men­tos. Res­tau­ran­tes, ba­res e co­zi­nha do em­pre­en­di­men­to cin­co es­tre­las tam­bém fo­ram mo­der­ni­za­dos, com aqui­si­ção de no­vas câ­ma­ras re­fri­ge­ra­das, lou­ças e ré­chauds, en­tre ou­tros uten­sí­li­os, além de no­va de­co­ra­ção pa­ra fa­ci­li­tar a cir­cu­la­ção de hós­pe­des e fun­ci­o­ná­ri­os.

To­dos os 396 apar­ta­men­tos do ho­tel - com vis­ta pa­ra o mar, te­le­vi­são a ca­bo, fri­go­bar, ar con­di­ci­o­na­do, te­le­fo­ne, in­ter­net com wi­fi gra­tui­to, se­ca­dor de ca­be­los e co­fre – te­rão su­as cor­ti­nas tro­ca­das. A mo­der­ni­za­ção do Serhs Na­tal Grand Ho­tel se­rá con­cluí­da com a tro­ca no pi­so do Kids Club, es­pa­ço ex­clu­si­vo pa­ra cri­an­ças, que pas­sa­rá a ser im­per­meá­vel e mais ma­cio, com tec­no­lo­gia de ab­sor­ção de im­pac­tos, o que ga­ran­ti­rá mais se­gu­ran­ça.

No­vi­da­des sus­ten­tá­veis

O resort es­tá apro­vei­tan­do o pro­ces­so de re­no­va­ção pa­ra im­plan­tar al­gu­mas me­di­das pa­ra apri­mo­rar sua sus­ten­ta­bi­li­da­de. No ba­nhei­ro das suí­tes se­rão ins­ta­la­das li­xei­ras de re­ci­cla­gem de li­xo, com in­di­ca­ção do ti­po de re­sí­duo a ser des­car­ta­do em ca­da uma de­las. Além de co­la­bo­rar com o ma­ne­jo des­ses ma­te­ri­ais, que já vem sen­do fei­to pe­la equi­pe do ho­tel, a ideia é cons­ci­en­ti­zar os hós­pe­des ou aju­dá-los a man­ter o há­bi­to de su­as pró­pri­as ca­sas.

Ho­li­day Inn Por­to Ale­gre (RS) mo­der­ni­za apar­ta­men­tos

O ho­tel Ho­li­day Inn Por­to Ale­gre, no Rio Gran­de do Sul (RS), pro­pri­e­da­de in­de­pen­den­te e sob con­tra­to de fran­quia da re­de IHG –A In­terCon­ti­nen­tal Ho­tels Group, ini­ci­ou há pou­cos me­ses a mo­der­ni­za­ção nos apar­ta­men­tos e áre­as co­muns do em­pre­en­di­men­to. O ho­tel gaú­cho já en­tre­gou as pri­mei­ras aco­mo­da­ções, to­das lo­ca­li­za­das no 10º an­dar, que re­ce­be­ram de­co­ra­ção mo­der­na e mo­bi­liá­ri­os com de­sign con­tem­po­râ­neo.

A mu­dan­ça trou­xe mais flui­dez ao apar­ta­men­to com a no­va dis­po­si­ção dos mó­veis. Além das ban­ca­das de tra­ba­lho, os equi­pa­men­tos e en­xo­vais tam­bém fo­ram atu­a­li­za­dos e os ba­nhei­ros re­ce­be­ram no­vos re­ves­ti­men­tos. Um pro­je­to de ilu­mi­na­con­for­tá­vel

ção foi pen­sa­do pa­ra ofe­re­cer uma am­bi­en­ta­ção mais pro­pí­cia pa­ra uma boa qua­li­da­de de so­no.

De acor­do com o cro­no­gra­ma, a mo­der­ni­za­ção com­ple­ta do Ho­li­day Inn Por­to Ale­gre se­rá fi­na­li­za­da no se­gun­do se­mes­tre de 2019. O ho­tel dis­põe de in­ter­net sem fio de al­ta ve­lo­ci­da­de, ro­om ser­vi­ce 24 ho­ras, res­tau­ran­te, bu­si­ness cen­ter, fit­ness cen­ter, es­ta­ci­o­na­men­to com ma­no­bris­ta, bar, sa­las de even­tos e ter­ra­ço ao ar li­vre com mi­ni-pis­ta de ca­mi­nha­da.

In­terCon­ti­nen­tal São Pau­lo apre­sen­ta no­vo es­pa­ço de even­tos pa­ra cli­en­tes

O In­terCon­ti­nen­tal São Pau­lo, lo­ca­li­za­do nos Jar­dins (SP), apre­sen­tou ofi­ci­al­men­te sua área de even­tos re­no­va­da. Cer­ca de 150 pes­so­as, in­cluin­do cli­en­tes e con­vi­da­dos es­ti­ve­ram no even­to e par­ti­ci­pa­ram do jo­go cor­po­ra­ti­vo “Chi­ca­go” de­sen­vol­vi­do pe­lo GAR - Gru­po Aze­ve­do Ra­mi­rez -, com o com-

pro­mis­so de li­be­rar o po­ten­ci­al hu­ma­no por meio da ga­mi­fi­ca­ção. Pa­ra ce­le­brar os cam­peões, foi re­a­li­za­do um happy hour, ao som de clás­si­cos do jazz.

O es­pa­ço re­no­va­do, re­cém en­tre­gue, ga­nhou ver­sa­ti­li­da­de pro­pi­ci­an­do no­vas for­ma­ta­ções pa­ra a re­a­li­za­ção de even­tos. O prin­ci­pal be­ne­fí­cio é que três sa­las, ago­ra com di­vi­só­ri­as mo­du­la­res, po­dem ser in­te­gra­das en­tre si e ao foyer pro­mo­ven­do fle­xi­bi­li­da­de e mai­or es­pa­ço pa­ra cir­cu­la­ção do pú­bli­co. Se­guin­do es­te mo­de­lo, é pos­sí­vel com­por­tar até 450 pes­so­as pa­ra um co­que­tel ou cof­fee bre­ak no no­vo e am­plo sa­lão, que an­te­ce­de a sa­la Di Ca­val­can­ti.

Ibe­ros­tar am­plia cen­tro de con­ven­ções na Bahia com in­ves­ti­men­to de US$ 460 mil

A re­de ho­te­lei­ra es­pa­nho­la Ibe­ros­tar aca­ba de con­cluir um in­ves­ti­men­to de US$ 460 mil na am­pli­a­ção do Cen­tro de Con­ven­ções Cas­tro Al­ves, lo­ca­li­za­do no Com­ple­xo Ibe­ros­tar Praia do For­te, na Bahia (BA). A apli­ca­ção apos­ta no pú­bli­co cor­po­ra­ti­vo e na re­a­li­za­ção de even­tos de to­dos os por­tes, re­a­li­zan­do um mai­or nú­me­ro de even­tos si­mul­tâ­ne­os.

Com um in­ves­ti­men­to, a expansão re­sul­tou no au­men­to de 35% do Es­pa­ço Gar­cia D’Ávi­la, con­tan­do com cin­co sa­las mo­du­lá­veis, po­den­do ser uti­li­za­das de for­ma in­de­pen­den­te ou co­mo sa­lão úni­co. O cen­tro de con­ven­ções pos­sui ago­ra 19 sa­las e ocu­pa uma área de 2.025 m², com ca­pa­ci­da­de pa­ra re­ce­ber even­tos com até 2.300 pes­so­as, em for­ma­to au­di­tó­rio.

O Di­re­tor Co­mer­ci­al da Ibe­ros­tar, Or­lan­do Gi­glio ex­pli­ca: “A Ibe­ros­tar se­dia even­tos cor­po­ra­ti­vos a mais de 10 anos e es­te in­ves­ti­men­to con­fir­ma a nos­sa apos­ta no con­cei­to de blei­su­re – a união de vi­a­gens cor­po­ra­ti­vas e la­zer – ten­dên­cia es­sa que vem cres­cen­do mui­to no Bra­sil nos úl­ti­mos anos”.

Ho­tel In­ter­city Na­ções Uni­das in­ves­te na mo­der­ni­za­ção do lobby

O pro­je­to ini­ci­ou no úl­ti­mo mês de fe­ve­rei­ro e ter­mi­nou em ou­tu­bro, de­man­dan­do cer­ca de R$ 300 mil em in­ves­ti­men­to. Com is­so, a re­cep­ção se tor­nou mais en­xu­ta, mas ga­nhou mais fun­ci­o­na­li­da­de, pois foi cri­a­do um lo­cal de con­vi­vên­cia e de tra­ba­lho, as­sim co­mo a am­pli­a­ção do bu­si­ness cen­ter. En­tre as mu­dan­ças es­tão o pi­so, lu­mi­ná­ri­as, re­ves­ti­men­to da pa­re­de e bal­cão da re­cep­ção. “Es­sa re­for­ma da­rá uma mai­or mo­der­ni­da­de ao em­pre­en­di­men­to que te­ve con­cluí­do re­cen­te­men­te a re­for­ma dos apar­ta­men­tos. O ob­je­ti­vo é man­ter nos­so bom po­si­ci­o­na­men­to mer­ca­do­ló­gi­co, pois es­ta­mos com 65% de ta­xa de ocu­pa­ção acu­mu­la­da com diá­ria cres­cen­te”, re­ve­la Ota­vio Go­lin, Ge­ren­te Ge­ral do em­pre­en­di­men­to.

Se­gun­do Go­lin, a ta­xa de ocu­pa­ção é ga­ran­ti­da em sua mai­o­ria pe­lo pú­bli­co cor­po­ra­ti­vo, mas ele es­tá aten­to à cres­cen­te de­man­da em even­tos. “No pró­xi­mo ano, de­ve­mos in­ves­tir na mo­der­ni­za­ção dos es­pa­ços de even­tos, prin­ci­pal­men­te agre­gan­do tec­no­lo­gia. De­ve­mos am­pli­ar nos­sos acor­dos com gru­pos e or­ga­ni­za­do­res de even­tos e au­men­tar nos­sos cli­en­tes na re­gião da Chá­ca­ra San­to Antô­nio, que se­dia vá­ri­as em­pre­sas. As­sim con­se­gui­re­mos me­lho­rar ain­da mais nos­sa per­for­man­ce e apre­sen­tar so­lu­ções as ne­ces­si­da­des de nos­sos cli­en­tes”, des­ta­cou.

ibis In­dai­a­tu­ba Vi­ra­co­pos in­ves­te em mo­der­ni­za­ção

O em­pre­en­di­men­to pró­xi­mo ao ae­ro­por­to, aca­ba de ser mo­der­ni­za­do e in­cluiu nas op­ções de la­zer uma aca­de­mia de gi­nás­ti­ca com­ple­ta e um res­tau­ran­te com pra­tos ela­bo­ra­dos pe­la equi­pe do íbis kit­chen, que ofe­re­ce no al­mo­ço e no jan­tar um buf­fet com­pos­to por sa­la­das va­ri­a­das, dois ti­pos de car­ne, di­fe­ren­tes guar­ni­ções, além dos pra­tos à la car­te, co­mo sal­mão ou bi­fe a ca­va­lo com fi­let mig­non. O ob­je­ti­vo foi aten­der da me­lhor ma­nei­ra pos­sí­vel os hós­pe­des, tan­to cor­po­ra­ti­vos qu­an­to tu­ris­tas. O ibis kit­chen ofe­re­ce ca­fé da ma­nhã com fru­tas, pães, be­bi­das quen­tes e fri­as. Du­ran­te a se­ma­na, o buf­fet de ca­fé é ser­vi­do das 6h30 às 10h00 e, aos fi­nais de se­ma­na, das 06h30 às 11h00. No pe­río­do en­tre 04h00 e 06h30, o ho­tel ofe­re­ce um ca­fé da ma­nhã re­du­zi­do. Não ape­nas hós­pe­des, mas tam­bém mo­ra­do­res lo­cais po­dem ex­pe­ri­men­tar o buf­fet ma­ti­nal e ou­tros pra­tos pre­pa­ra­dos no ibis In­dai­a­tu­ba Vi­ra­co­pos. Em di­as de se­ma­na, o res­tau­ran­te apos­ta em buf­fet self ser­vi­ce no al­mo­ço e no jan­tar, além das op­ções à la car­te. Aos fi­nais de se­ma­na, as op­ções à la car­te es­tão dis­po­ní­veis no car­dá­pio.

O ho­tel tam­bém con­ta com de­sign di­fe­ren­ci­a­do e con­tem­po­râ­neo, tan­to em su­as áre­as co­muns qu­an­to nos 120 quar­tos, ofe­re­cen­do con­for­to e aten­den­do as ne­ces­si­da­des de seus cli­en­tes em um am­bi­en­te agra­dá­vel e mo­der­no. Os cor­re­do­res fo­ram mo­der­ni­za­dos, o lobby e o res­tau­ran­te ga­nha­ram ou­tra ar­qui­te­tu­ra e no­vas áre­as de la­zer fo­ram de­sen­vol­vi­das. Na par­te ex­ter­na do ho­tel, por exem­plo, há um con­têi­ner no es­pa­ço do ter­ra­ço, um am­bi­en­te des­con­traí­do e acon­che­gan­te.

Shi­zen Day Spa no De­vil­le Bu­si­ness Ma­rin­gá

O De­vil­le Bu­si­ness Ma­rin­gá, no Pa­ra­ná (PR) ga­nhou um re­fú­gio ur­ba­no de­di­ca­do à saú­de e ao bem-es­tar dos hós­pe­des e cli­en­tes em ge­ral, o Shi­zen Day Spa. O ser­vi­ço bus­ca ofe­re­cer con­for­to e foi de­sen­vol­vi­do es­pe­ci­al­men­te pa­ra acal­mar o cor­po e a men­te. A no­vi­da­de con­ta com te­ra­pi­as re­la­xan­tes e te­ra­peu­tas me­ti­cu­lo­sa­men­te trei­na­dos pa­ra cri­ar ex­pe­ri­ên­ci­as, com am­pla va­ri­e­da­de de mas­sa­gens co­mo o shi­at­su, a mas­sa­gem clás­si­ca, a re­fle­xo­lo­gia nos pés, a dre­na­gem lin­fá­ti­ca, mas­sa­gem com pe­dras quen­tes, e ain­da os ba­nhos de ofurô nas ver­sões sais, vi­nho, ro­sas e du­plo. E, ain­da, a shi­zen ex­press, tam­bém co­nhe­ci­da por quick mas­sa­ge, além de ou­tras te­ra­pi­as.

O ar­qui­te­to João Ar­men­ta­no, jun­to com sua equi­pe, con­du­ziu o re­tro­fit

Es­pa­ço ser­ve drin­ques clás­si­cos co­mo Mo­ji­to, Blo­ody Mary, Kir Royal, Ma­nhat­tan, den­tre ou­tros, além de car­ta de vi­nhos e des­ti­la­dos

Um dos quar­tos do In­ter­city Ibi­ra­pu­e­ra

A lo­ca­li­za­ção pri­vi­le­gi­a­da é um dos di­fe­ren­ci­ais do em­pre­en­di­men­to

Sui­tes do 10º an­dar re­ce­be­ram de­co­ra­ção mo­der­na e mo­bi­liá­ri­os com de­sign con­tem­po­râ­neo

Con­vi­da­dos par­ti­ci­pa­ram do jo­go Chi­ca­go

O no­vo Com­ple­xo Ibe­ros­tar Praia do For­te fi­cou ain­da mais mo­der­no

Ota­vio Go­lin: “Es­ta­mos de olho nas opor­tu­ni­da­des do Mer­ca­do”

De­vil­le Bu­si­ness Ma­rin­gá (PR) pas­sa a con­tar com Shi­zen Day Spa

Apar­ta­men­to do íbis In­dai­a­tu­ba Vi­ra­co­pos

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.