Ven­das de au­tos le­ves Veí­cu­los 0 km x Veí­cu­los Se­mi­no­vos

Jornal Brasil Peças - - Capa -

Qu­an­do o as­sun­to é ven­da de veí­cu­los ze­ro quilô­me­tros o âni­mo é ou­tro. No acu­mu­la­do du­ran­te os úl­ti­mos três anos, o Se­tor vem de uma que­da que po­de atin­gir 50% ao fim de 2016. Po­rém, além de mar­car a in­ter­rup­ção dos re­sul­ta­dos ne­ga­ti­vos, há con­sen­so no seg­men­to de que 2017 se­rá o iní­cio de uma len­ta re­cu­pe­ra­ção. Es­ti­ma-se que haja cres­ci­men­to de 5% na ven­da de veí­cu­los le­ves no pró­xi­mo ano.

O pre­si­den­te da Fe­na­bra­ve, Ala­ri­co As­sump­ção Jr., es­ti­ma um au­men­to de 5% nos li­cen­ci­a­men­tos no ano que vem. A vol­ta da con­fi­an­ça do con­su­mi­dor, que já co­me­ça a dar si­nais de me­lho­ra, vai im­pul­si­o­nar a su­bi­da nos nú­me­ros de ven­das nas con­ces­si­o­ná­ri­as.

“É um bom nú­me­ro, ape­sar de ain­da ser um por­cen­tu­al abai­xo da que­da deste ano. A he­mor­ra­gia foi es­tan­ca­da. O mer­ca­do re­to­ma­rá o cres­ci­men­to, prin­ci­pal­men­te com a me­lho­ra do am­bi­en­te ma­cro­e­conô­mi­co, com a Se­lic em que­da. Is­so le­va­rá o con­su­mi­dor às lo­jas”, des­ta­cou As­sump­ção Jr. du­ran­te pai­nel em que par­ti­ci­pou no se­gun­do dia do Con­gres­so Au­to­da­ta 2016, re­a­li­za­do no mês usa­do ou­tu­bro.

Po­rém, pa­ra al­can­çar o pa­ta­mar que era pa­drão em 2013 ain­da de­man­da mai­or pa­ci­ên­cia. Pa­ra As­sump­ção Jr., o vo­lu­me de 3 mi­lhões de veí­cu­los co­mer­ci­a­li­za­dos por ano se­rá atin­gi­do so­men­te em 2020.

Por sua vez os veí­cu­los se­mi­no­vos, se­gun­do o en­ten­di­men­to da An­fa­vea aque­les que têm no má­xi­mo três anos de cir­cu­la­ção, con­so­li­da­ram sua po­si­ção no mer­ca­do. Em 2016, atin­giu cres­ci­men­to de 23,2% em re­la­ção ao ano an­te­ri­or. Já fo­ram co­mer­ci­a­li­za­dos mais de 3,6 mi­lhões car­ros nes­sas ca­rac­te­rís­ti­cas.

Pa­ra o pre­si­den­te da An­fa­vea, An­to­nio Me­ga­le, a so­ma de veí­cu­los no­vos com se­mi­no­vos, aque­les com até três anos de uso, já in­di­ca re­sul­ta­do po­si­ti­vo no acu­mu­la­do deste ano: “Até agos­to o com­pa­ra­ti­vo com o ano pas­sa­do era ne­ga­ti­vo. Mas con­si­de­ran­do a ven­da de 0 Km e se­mi­no­vos nos pri­mei­ros no­ve me­ses ve­mos ago­ra um cres­ci­men­to de 1,7%, mos­tran­do que o de­se­jo do bra­si­lei­ro de ad­qui­rir um veí­cu­lo se man­tém”. A ten­dên­cia é man­ter o cres­ci­men­to em 2017.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.