Re­a­li­za­ção de lu­cros faz Bol­sa cair

Jornaldodia - - NEGÓCIOS -

Com re­a­li­za­ção de lu­cros, a Bol­sa de São Pau­lo fe­chou on­tem em que­da de 2,23%, pa­ra 57.781 pon­tos e gi­ro de R$ 4,7 bi­lhões, abai­xo da mé­dia do mês (R$ 5,6 bi­lhões). De acor­do com ope­ra­do­res, o prin­ci­pal mo­ti­vo pa­ra a bai­xa foi a que­da do pre­ço do pe­tró­leo in­ter­na­ci­o­nal. As ações PN da Pe­tro­bras per­de­ram 3,44% e as or­di­ná­ri­as, 3,91%. No mer­ca­do de câm­bio, o dó­lar não sus­ten­tou a al­ta do iní­cio do pre­gão e fe­chou em le­ve bai­xa an­te o re­al: R$ 3,2010, per­da de 0,16%. O mer­ca­do es­pe­ra, ho­je, a au­di­ên­cia do pre­si­den­te do Ban­co Cen­tral, Ilan Gold­fajn, no Se­na­do.

Di­re­tor da Oi de­nun­ci­a­do por ‘golpe mi­li­o­ná­rio’

De­nún­cia do Mi­nis­té­rio Pú­bli­co do RS à 3ª Va­ra Cri­mi­nal de Pas­so Fun­do in­cri­mi­na o di­re­tor ju­rí­di­co da ope­ra­do­ra de te­le­fo­nia Oi, Eu­ri­co de Je­sus Te­les Ne­to, e mais qua­tro ad­vo­ga­dos. Eles são acusados por ter pro­mo­vi­do acor­do de R$ 50 mi­lhões com o ad­vo­ga­do Mau­rí­cio Dal Ag­nol, que atu­a­va em pro­ces­sos de cli­en­tes contra a Oi, pa­ra que re­nun­ci­as­sem a 50% dos cré­di­tos em 5.557 pro­ces­sos. Se­gun­do o MP-RS, os con­su­mi­do­res per­de­ram. Com o acor­do, a Oi te­ria eco­no­mi­za­do R$ 638 mi­lhões.

Mo­ody’s re­bai­xa Ode­bre­cht

Caí­ram de B2 pa­raB3 na es­ca­la glo­bal e de BA2 pa­ra B2 na na­ci­o­nal os ra­tings da Ode­bre­cht En­ge­nha­ria e Cons­tru­ção, se­gun­do a agên­cia de clas­si­fi­ca­ção de ris­co Mo­ody’s. A agên­cia con­si­de­rou o au­men­to do ris­co de cré­di­to de­vi­do à evo­lu­ção do per­fil de li­qui­dez e ris­cos à re­pu­ta­ção em meio ao pro­ces­so da Ope­ra­ção La­va-Ja­to. Tam­bém pres­si­o­nam os ne­gó­ci­os da em­pre­sa as me­no­res ta­xas de cres­ci­men­to em in­ves­ti­men­tos em in­fra­es­tru­tu­ra na Amé­ri­ca La­ti­na, re­fle­xo de in­cer­te­zas po­lí­ti­cas, li­mi­ta­ções fis­cais e ten­dên­ci­as de pre­ços mais bai­xos pa­ra com­mo­di­ti­es nos se­to­res de me­tais e mi­ne­ra­ção e pe­tró­leo e gás.

CBAir com­pra ri­val Glo­bal Avi­a­ti­on

Con­tro­la­da pe­lo em­pre­sá­rio Mi­chel Klein (Ca­sas Bahia), a em­pre­sa de tá­xi aé­reo CBAir vai pa­gar R$ 38 mi­lhões pa­ra com­prar a con­cor­ren­te Glo­bal Avi­a­ti­on. A no­va em­pre­sa de­ve fa­tu­rar R$ 158 mi­lhões em 2016 e R$ 200 mi­lhões no ano que vem. Com a aqui­si­ção, a CBAir pas­sa a ter uma fro­ta de 32 ae­ro­na­ves, en­tre ja­tos e he­li­cóp­te­ros. A ope­ra­ção es­tá su­jei­ta à apro­va­ção dos ór­gãos re­gu­la­do­res.

Pfi­zer com­pra Me­di­va­ti­on

Por US$ 14 bi­lhões, a far­ma­cêu­ti­ca ame­ri­ca­na Pfi­zer acer­tou on­tem a com­pra do gru­po de bi­o­tec­no­lo­gia da Ca­li­fór­nia Me­di­va­ti­on. São US$ 81,50 por ação. A Me­di­va­ti­on pro­duz o me­di­ca­men­to de com­ba­te ao cân­cer de prós­ta­ta mais ven­di­do no mun­do, o Xtan­di, que de­ve ge­rar US$ 5,7 bi­lhões anu­ais até 2020. E es­tá de­sen­vol­ven­do novos re­mé­di­os. A Me­di­va­ti­on era a em­pre­sa in­de­pen­den­te do ra­mo mais co­bi­ça­da pe­los gi­gan­tes do se­tor. A fran­ce­sa Sa­no­fi fez pro­pos­ta não so­li­ci­ta­da de US$ 52,50 por ação em di­nhei­ro, que a Me­di­va­ti­on re­jei­tou em abril, por con­si­de­rar o pre­ço su­bes­ti­ma­do.

Xtan­di: me­di­ca­men­to bi­li­o­ná­rio contra o cân­cer, ago­ra da Pfi­zer.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.